Comet 250 GT: Naked com forte apelo visual

Aladim Lopes Gonçalves

Às vezes vemos algumas motos na rua que chamam a nossa atenção por causa de um belo projeto visual ou um design moderno, um tom de cor mais chamativo ou apenas pela sua aparência mais esportiva.  Independente de questões relacionadas ao motor, como cilindrada ou potência, essas são motos que simplesmente agradam pela sua concepção estética.

Podemos dizer que esse é o caso da Kasinski Comet GT 250, uma moto com característica de moto esportiva, com visual despojado e que está na lista de vários motociclistas que rodam com motos de baixa cilindrada e planejam no curto e médio prazo fazer em um up grade de equipamento.

Entre outros atrativos estéticos, a Comet GT 250 traz painel de instrumentos moderno com display digital e conta-giros analógico e novo conjunto óptico protegido por uma pequena capa-bolha. Na parte traseira, destaque para a lanterna com LEDs e o escapamento em aço inox.

Apesar da fonte da Kasinski ser o grupo chinês CR Zonghen, a Comet GT 250 tem origem na Coréia do Sul, desenvolvida pela Hyosung, o logo da marca coreana aparece estampado na capa do conjunto mecânico. Além de beleza, essa naked conta com injeção eletrônica de combustível, freio traseiro a disco e motor dois cilindros em “V”, um grande diferencial nesse segmento.

Versátil para a cidade e com boa performance na estrada, a Comet GT 250 aproveita bem o rendimento do motor V2 de 249 cm³ DOHC (comando duplo no cabeçote) com potência de 32,1 cv a 10.500 rpm e torque de 2,31 kgfm a 8.000 rpm. O câmbio de cinco marchas apresenta um escalonamento adequado e com engates que entram justos, mas nem sempre muito precisos.

As retomadas de velocidade também parecem um pouco tímidas na Comet GT 250, mas estão proporcionais para as especificações para o seu porte de motor. De qualquer forma, um segredo para conseguir melhores resultados de aceleração e velocidade é manter as rotações do propulsor trabalhando na faixa entre 6.000 e 7.000 rpm nas trocas de marchas.

Ciclística
A Comet 250 GT também é daquelas motos que aparentam ser maior do que realmente são. Essa sensação parece ser mais visível ainda no modelo com pintura vermelha, que também passa uma boa mensagem de status e esportividade.

Mesmo com uma proposta mais esportiva, a condução da Comet 250 GT não chega a ser cansativa para o motociclista, que pode rodar no trânsito urbano com bastante desenvoltura. O mesmo vale para a estrada, pois a pilotagem é bem leve e o motor tem fôlego suficiente para ultrapassagens com segurança e boas esticadas de velocidade.

O conjunto de suspensão e freios apresenta um bom desempenho. A dianteira é bem firme e estável em média e alta velocidade. A suspensão traseira monoamortecida ainda permite a regulagem de pré-carga da mola, deixando o piloto acertar uma melhor condição para transportar carga ou carona.

Mercado
Além do forte apelo visual da Comet 250 GT, a Kasinski mantém estratégias de marketing bastante agressivas para o modelo, que está sendo oferecido na rede de concessionárias pelo preço promocional de R$ 9.990 até o dia 31 de agosto. O seu preço normal é de R$ 11.700. A moto também é oferecida com garantia estendida de três anos.

Ficha Técnica
Motor
Tipo DOHC, 4 tempos, 2 cilíndros em "V" Refrigeração Arrefecimento a ar e óleo
Capacidade volumétrica 249 cm³
Diâmetro e curso 57 mm x 48,8 mm
Alimentação Injeção eletrônica
Potência Máxima 32,1 cv / 10.500 rpm
Torque Máximo 2,31 kgfm a 8.000 rpm
Câmbio 5 velocidades
Partida Elétrica
Pneu Dianteiro 110/70 - 17 54H
Pneu Traseiro 130/70 - 17 69H
Freio Dianteiro Hidráulico a disco
Freio Traseiro Hidráulico a disco
Suspensão Dianteira Telescópica invertida (U.D.F)
Suspensão Traseira Balança monochoque ajustável
Comprimento Total 2.095 mm
Largura Total 780 mm
Altura Total 1.125 mm
Distância entre-eixos 1.430 mm
Distância livre do solo 175 mm
Peso a seco 160 kg
Tanque de combustível 17 litros
Cores Preta, Vermelha
Preço sugerido R$ 11.700 (R$ 9.990, promocional até 31 de agosto)



Fonte:
Equipe MOTO.com.br




Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br