Rally dos Sertões: Felipe Zanol fala sobre a prova

 

Roberto Brandão Filho

Depois de uma disputa muito acirrada com um dos melhores pilotos de rali do mundo, Cyril Despres, o mineiro Felipe Zanol ficou com a segunda posição na classificação geral da competição, apenas quatro minutos atrás do tri-campeão do Dakar.

Zanol começou muito bem a prova, superando Despres nas primeiras quatro etapas da competição. Porém, depois de uma queda na quinta etapa, a primeira especial da etapa Maratona, o piloto perdeu vários minutos na classificação geral.

As etapas seguintes eram muito mais favoráveis ao piloto francês da equipe KTM Red Bull Factory Team. Com especiais cheias de “retões”, a diferença de velocidade final entre a motocicleta de Zanol (velocidade máxima entre 160 e 170 km/h) e a moto de Despres, que atingiu mais de 180 km/h nas estradas de terra pelo Brasil adentro, foi gigantesca. Enquanto que Despres andava com folga, Zanol tinha que andar sempre no seu limite e no limite de sua moto, uma Honda CRF 450 X preparada pela equipe Brasil Moto Tour.

Mesmo assim, o francês não foi capaz de se livrar de Zanol tão fácil. Com a moto torta e a mão inchada por conta da queda na quinta etapa, o mineiro terminou a sexta etapa apenas quatro centésimos atrás de Despres, algo nunca visto antes na história do Sertões. O resultado deixou Zanol colado no líder, apenas 1min30s.

A partir daí, Zanol só pensava em atacar. A vontade foi tanta que o piloto mineiro acabou cometendo pequenos errinhos em duas outras etapas, o que o deixou mais distante de Despres. Mas não há do que se envergonhar, Zanol foi um guerreiro e lutou até o fim contra um adversário extremamente habilidoso e técnico. Finalizou o segundo maior rali do mundo apenas quatro minutos atrás de Despres e abriu uma grande diferença para o terceiro colocado.

Essa foi a segunda participação de Zanol no Rally dos Sertões com duas segundas colocações. Em 2010 o piloto ficou atrás de Marc Coma por um pouco mais de 20 minutos e neste ano ficou apenas quatro minutos atrás de Despres. Parabéns Felipe pelo resultado e torcemos por um grande futuro pela frente.

Confira a entrevista com Felipe Zanol:

 



Fonte:
Equipe MOTO.com.br




Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br