X-Fighters: Dany Torres é o campeão da temporada 2011

A estreia em solo australiano do Red Bull X-Fighters, o principal campeonato mundial de motocross estilo livre, teve como vencedor incontestável o herói local Josh Sheehan, que levou ao delírio os 11 mil fãs que foram de barco até a ilha de Cockatoo da baía de Sydney na tarde desse sábado (17/9).
 
Sheehan tornou-se o primeiro piloto da história a fazer o Double Backflip (mortal duplo para trás) por duas vezes na competição – na semifinal contra o espanhol Dany Torres, e na finalíssima contra o neozelandês Levi Sherwood. Foi a primeira vitória de Sheehan em uma etapa do Red Bull X-Fighters.
 
“Vencer uma etapa do Red Bull X-Fighters contra pilotos desse nível é quase inacreditável”, admitiu Sheehan, que estreou no circuito esse ano. “Correr diante da torcida australiana foi uma pressão a mais, mas depois do frio na barriga inicial o calor do público me incentivou mais e mais a cada rodada”.
 
E o mais incrível foi que Sheehan não foi o único a girar duas vezes no ar: o também australiano Cam Sinclair também tentou um Double Backflip na abertura da competição, ainda na fase de repescagem, mas sem sucesso. Sinclair saiu ileso da queda na aterrissagem, mas o erro custou suas chances de passar às quartas-de-final.
 
Para Torres, a derrota diante de Sheehan na semi não trouxe grandes prejuízos. O espanhol precisava terminar entre os quatro melhores para garantir o título de 2011, já que seu principal rival, o atual bicampeão Nate Adams, não competiu devido a uma lesão no ombro. Adams ainda entrou na pista na repescagem para conquistar os pontos pelo último lugar, que não foram suficientes para garantir o tri.
 
“Desde que estreei no Red Bull X-Fighters em 2007 meu sonho era conquistar o título, e agora o sonho finalmente virou realidade”, comemorou o espanhol. “Sei que o nível está cada vez mais alto e vai ser difícil seguir vencendo, mas já me sinto pronto para lutar pelo bi em 2012”.
 
A etapa australiana foi a sexta do circuito mundial, que passou ainda por Dubai, Brasília, Roma, Madri e Poznan, na Polônia. A etapa brasileira, em maio passado, foi o maior evento de motocross estilo livre de todos os tempos, com mais de 100 mil pessoas lotando a Esplanada dos Ministérios na Capital Federal.
 
Resultado
1. Josh Sheehan (AUS)
2. Levi Sherwood (NZL)
3. Dany Torres (ESP)
4. Mike Mason (EUA)

Classificação
1. Dany Torres (ESP) 390 pontos
2. Nate Adams (EUA) 375
3. Andre Villa (NOR) 270
4. Josh Sheehan (AUS) 230



Fonte:
Equipe MOTO.com.br




Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br