Wellington Garcia dispara na liderança

Na sexta etapa do Brasileiro de Motocross, em Sonora, o goiano venceu na MX1 e MX2.

Por Roberto Brandão

A sexta etapa do Campeonato Brasileiro de Motocross aconteceu neste fim de semana, na cidade de Sonora, no Mato Grosso do Sul. Na MX1, Wellington Garcia venceu a bateria e reassumiu a liderança isolada da categoria. O goiano também foi o mais rápido na corrida da MX2 e manteve a ponta na classificação.

A corrida da MX1 foi de tirar o fôlego, já que esteve indefinida do início ao fim. Jean Ramos e João Paulino “Marronzinho” largaram praticamente juntos, mas foi o paranaense que andou na frente. Jean teve de suportar uma enorme pressão do catarinense, que atacava a cada volta. Wellington Garcia, em terceiro, observava o duelo, sem deixar os ponteiros escaparem. Aos 24 minutos, o goiano colou nos adversários e conseguiu ultrapassar Marronzinho logo depois, assumindo a liderança da prova pouco antes da placa de duas voltas.

“Estou muito feliz com este resultado. Foi muito importante para que eu consiga o título da MX1. Deixei para atacar no final – até achei que me precipitei um pouco para colocar pressão. Aproveitei o desgaste do Marronzinho e do Jean, que vinham brigando desde o início, e levei a melhor. Agradeço a todos que me apoiaram, inclusive ao meu companheiro de equipe Jean, que tem me ajudado bastante”, disse Garcia, comentando a sua estratégia durante a prova.

Na MX2, foi o piloto Swian Zanoni que fez o holeshot. Jean Ramos largou em terceiro e Wellington Garcia, em quinto. Aos 10 minutos, Swian sofreu uma queda e Roosevelt Assunção assumiu a liderança, mas logo caiu e foi ultrapassado por Garcia e Ramos. A dupla do Team Honda protagonizou um duelo emocionante. Jean passou à frente aos 17 minutos, e Wellington Garcia optou por colocar ainda mais pressão nas voltas finais. Aos 28 minutos, os pilotos saltaram a mesa praticamente juntos e, na curva seguinte, as motos se chocaram quando Garcia tentava a ultrapassagem e Ramos caiu. O caminho ficou livre para o líder, que cruzou a linha de chegada em primeiro lugar.

“Foi uma corrida difícil e estou feliz com o resultado. Espero poder administrar o campeonato da MX2 para buscar com mais calma o título da MX1 também”, explicou o goiano. Jean Ramos lamentou a ausência no pódio, mas já está de olho nas próximas. “Cair no final da bateria é algo que pode acontecer no motocross. Agora é continuar trabalhando forte para garantir um bom resultado nas etapas restantes”, concluiu o paranaense.

Thiago Formehl, largou na frente na categoria 85cc. Aos 13 minutos, Formehl deixou a moto apagar e foi ultrapassado por Endrews Armstrong, o atual líder da classe, que confirmou a vitória. Na última volta, Zamboni ultrapassou Formehl que chegou em terceiro lugar e continua na vice-liderança, cinco pontos atrás do primeiro colocado. “A prova foi muito difícil, havia buracos na pista e ainda a moto apagou. Mas não vou desanimar, continuo vivo na briga pelo título e quero esse resultado para o Team Honda”, avisou o piloto do Mato Grosso.

Na MXJr, corrida que aconteceu no sábado, Dudu Lima largou na frente. Aos seis minutos, Gustavo Takahashi, que estava em segundo lugar, sofreu uma queda e voltou em quinto. Rodrigo Rodrigues aproveitou para assumir a vice-liderança da prova e, a cada volta, aumentava a pressão sobre Dudu Lima. Aos 16 minutos, Rodrigo conseguiu encontrar espaço para ultrapassagem e assumiu a ponta, mantendo a posição até o final. “Deu tudo certo. Tive de enfrentar dificuldades durante a prova, mas consegui imprimir um ritmo bom. A minha moto está extremamente competitiva. Espero voltar mais forte ainda nas próximas etapas para sair campeão”, concluiu Rodrigo Rodrigues, líder da classe. O Brasileiro inclui oito corridas no total.

Dudu Lima, que voltou na etapa anterior, realizada em Sorriso (MT), após tratar uma lesão, ficou feliz com o resultado. “Larguei na frente e tentei abrir, mas o Rodrigo vinha muito rápido. Foi preciso cuidado para não cair, pois a pista estava molhada e lisa. O segundo lugar foi muito bom, pois estou voltando às pistas”, concluiu o paulista.

A penúltima etapa de 2009 acontece em Cachoeiro do Itapemirim, no Espírito Santo, nos dias 15 e 16 de agosto.

Resultados:
MX1

1) Wellington Garcia
2) João Paulino “Marronzinho”
3) Jean Ramos
4) PipoCastro
5) Rafael Faria

MX2
1) Wellington Garcia
2) Pipo Castro
3) Roosevelt Assunção
4) Rafael Faria
5) Gustavo Takahashi

85cc
1) Endrews Armstrong
2) Cézar Zamboni
3) Thiago Formehl
4) Everaldo Filho
5) Leonardo Lizott

MXJr
1) Rodrigo Rodrigues 
2) Dudu Lima 
3) Hector Assunção
4) Gustavo Takahashi
5) Rodrigo “Lama”


Fonte:
Equipe MOTO.com.br

Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br