Team Honda encara maratona de motocross

Equipe irá disputar o Arena Cross no sábado e o Latino Americano no domingo.

Por Adilson

O Team Honda enfrenta uma verdadeira maratona de motocross neste final de semana, com dois importantes compromissos. Neste domingo, a equipe aposta todas as suas fichas na primeira etapa do Campeonato Latino Americano da categoria MX2, que será disputada na casa dos pilotos, o Centro Educacional de Trânsito Honda (CETH), em Indaiatuba (SP).

Antes disso, no sábado, eles partem para São Sebastião, litoral de São Paulo, em busca de mais vitórias na quinta etapa do Campeonato Brasileiro de Arena Cross. Lá, o Team Honda acelera nas categorias MX1, MX2 e 85cc.

A equipe estará representada no Latino Americano por Leandro Silva, Marcello “Ratinho”, Jean Ramos, Dudu Lima, Thales Vilardi, Gustavo Takahashi e Hector Assunção. A ausência fica por conta do goiano Wellington Garcia, que sofreu uma lesão na última etapa do Brasileiro.

Ratinho vai usar toda sua experiência para acelerar no Latino Americano. O paulista foi campeão em 2006 e este ano vai tentar repetir o resultado.

“Estou bem preparado para o Latino. Espero fazer uma boa corrida. O nível dos pilotos é bastante forte e estou certo de que o venezuelano Humberto Martins, campeão em 2007, será um forte concorrente”, apontou.

Colher outro bom resultado no Arena Cross não está fora dos planos de Ratinho, apesar da competição internacional ser o foco principal neste momento. “Vamos com tudo para o Arena também. Quero ampliar ainda mais minha vantagem”, comentou o atual líder da categoria MX2.

O paranaense Leandro Silva também tem histórico positivo em provas do Latino-Americano, já que foi vice-campeão em 2006. O piloto gosta da idéia de enfrentar adversários que não fazem parte das competições nacionais.

“Acho que vamos aprender um pouco com estes pilotos que são de fora do país. Será uma boa experiência, mesmo sabendo que nós também estamos andando bem rápido”, enfatizou.

Leandro terá a oportunidade de correr com uma motocicleta com menos cilindradas da que está acostumado a utilizar na categoria MX1, a 450cc, na qual disputa o Campeonato Brasileiro e também o Arena Cross. O piloto utilizará a CRF 250R.

“Para mim será bem diferente, pois já estou acostumado com a motocicleta maior”, completou. No Arena Cross, Leandro ocupa a vice-liderança da categoria MX1. Em primeiro lugar está o outro piloto do Team Honda, Wellington Garcia, que não poderá correr. “Vou entrar na pista para assumir a liderança do Arena”, prometeu Leandro Silva.

Outro piloto que deve fazer bonito nas duas competições é Thales Vilardi. O paulista participou do Latino Americano em 2006 e garantiu a oitava colocação. Desta vez, ele espera ficar mais acima na classificação.

“O Latino é uma prova bem legal, principalmente pela participação de pilotos que são de outros países. No ano passado, não conseguimos o título, mas este ano temos grandes chances”, planejou. Thales afirma que a competição tem um grande nível e por isso, espera uma prova bastante disputada.

No Arena Cross, Thales ocupa a sétima posição na categoria MX2. O fato das duas provas serem realizadas bem próximas não preocupa tanto o piloto, a não ser pelo deslocamento. “Acho que vai ser um pouco cansativo por conta das viagens”.

O Latino Americano em Indaiatuba tem entrada franca. A segunda etapa da competição internacional será nos dias 19 e 20 deste mês em Ouro Preto do Oeste, em Rondônia.

Fonte:
Equipe MOTO.com.br

Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br