Supercross Edgel abrirá Campeonato Mineiro

Prova está marcada para o próximo fim de semana, na região metropolitana de Belo Horizonte.

Por André Jordão

Uma das primeiras ações da nova administração da Federação Mineira de Motociclismo, que tomou posse na última quarta-feira, é fazer do Supercross Edgel, que acontece nos dias 7 e 8 de março, em Capim Branco, na região metropolitana de Belo Horizonte,  a abertura do Campeonato Mineiro da modalidade.

O novo presidente, Ricardo Vieira, pretende recolocar Minas no cenário do motociclismo nacional, voltando a realizar grandes campeonatos e trazendo provas de nível nacional para o estado.

“Fizemos o Brasileiro por muitos anos e só entramos nesta prova porque quando conversamos com o Geraldo (organizador do evento), vimos que ele queria fazer uma coisa de primeiro nível”, explicou Marcus Vínicius, responsável pela parte técnica do evento.
 
Realizado pela primeira vez, o Supercross Edgel marca o retorno dos grandes eventos ao estado de Minas Gerais. Desde 2007, quando recebeu um Brasileiro pela última vez, o estado não tem a oportunidade de assistir os melhores pilotos do Brasil.
 
A posse da nova diretoria da federação, o retorno da família Balbi e a criação de provas como o Supercross Edgel colocam Minas em um momento bem favorável para retomar sua força no esporte. Durante muitos anos, o estado foi a maior força do Motocross no país e, recentemente, tem perdido espaço os estados da região sul.
 
“Teve época que todos os primeiros colocados do Brasileiro eram mineiros e hoje vemos poucos pilotos daqui competindo. Ficamos muito felizes de fazer parte deste projeto que conta com sangue novo da federação e provas de primeiro quilate”, explicou Jorge Balbi.
 
Além do espetáculo proporcionado pela prova, a programação do sábado conta ainda com um show da banda Tianastácia. No domingo, uma prova de Cross-Country, apresentações de freestyle e trial e show com a Bartucada encerram o evento.

De volta ao Brasil, o piloto Jorge Balbi Jr. estuda a sua participação no evento. “Acabei de chegar dos EUA e fiquei sabendo da prova. Claro que estou louco pra competir. Fiquei muito feliz de saber que tem gente séria trabalhando pra recolocar Minas no posto de onde o estado nunca deveria ter saído”, comentou.

Para mais informações visite o site www.supercross.edgel.com.br


Fonte:
Equipe MOTO.com.br

Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br