RALLY DAKAR 2006

Espanhol segue na frente

Por Fredy

O atual campeão do Rali Dakar, categoria motos, venceu nesta quarta-feira a quinta etapa do mais famoso evento off road do planeta. Cyril Després completou o trecho de 350 km entre Ourzazate (Marrocos) e Tan Tan (Mauritânia) em 3h47min40s.

Com o resultado, o francês - que sofreu um tombo na especial de ontem - pulou do terceiro para o segundo lugar da classificação. A liderança segue com o espanhol Marc Comá, segundo colocado no percurso do dia, que possui apenas 1min25s de vantagem para Després.

O também espanhol Isidre Esteve Pujol foi o terceiro mais rápido na última especial marroquina, mesma posição que passou a ocupar na tabela geral. Ruben Faria, português e um dos destaques da prova, terminou o trajeto em quarto, seguido do chileno Carlo de Gavardo.

Em mais um dia de recuperação, Jean Azevedo registrou o tempo de 4h12min54, que lhe garantiu o 13º posto na etapa e na classificação; três posições à frente da que o piloto ocupava ontem. Ao entrar no território africano, na manhã da última segunda-feira, o brasileiro aparecia em 26º lugar.

Com a chegada à Mauritânia, os competidores se preparam para a disputa da maior especial dentre as já completadas. Nesta quinta-feira, o trajeto cronometrado será de 444 km até a cidade de Zouerat.

Problema de bateria nas motos da KTM

Geraldo Lima, mecânico que acompanha o Dakar a bordo do caminhão de apoio da equipe Petrobras Lubrax, afirmou ontem que a moto de Jean Azevedo precisou receber uma bateria suplementar. O equipamento, segundo ele, apresentou um preocupante problema elétrico. "A bateria simplesmente pára de funcionar quando a moto é desligada", disse.

Azevedo disputa o Dakar 2006 com uma das 13 unidades novas produzidas pela KTM. Em função do novo regulamento que limita a velocidade em 160 km/h, as novas motocas são menores, mais leves e ágeis. No entanto, todas estão apresentando o problema, que ainda não foi comentado ou explicado pela fabricante austríaca. "A moto morre e, para desatolar, o motor é fundamental", lembrou Lima.

Segundo o mecânico, os pilotos do time oficial estão correndo com três baterias. Na moto de Azevedo, uma fonte extra foi instalada sob o banco. "Se a bateria parar de funcionar no meio da etapa, o próprio Jean vai precisar ligar a reserva", alertou.

Ainda na chegada da primeira etapa, em Portimão, Portugal, a KTM de Azevedo apagou e foi levada desligada até o parque fechado, onde as motos passaram a noite.

Confira o resultado do quinto dia do Dakar:
1) Cyril Despres (FRA/KTM), 3h47min40s
2) Marc Coma (ESP/KTM), a 3min41s
3) Isidre Esteve Pujol (ESP/KTM), a 5min18s
4) Ruben Faria (PORT/KTM), a 8min14s
5) Carlo de Gavardo (CHI/KTM), a 8min21s
13) Jean Azevedo (BRA/KTM), a 25min14s

Classificação Geral:
1) Marc Comá (ESP/KTM), 14h09min18s
2) Cyril Després (FRA/KTM), a 1min25s
3) Isidre Esteve Pujol (ESP/KTM), a 6min28s
4) Carlo de Gavardo (CHI/KTM), a 11min52s
5) Andy Caldecott (AUS/KTM), a 26min54s
13) Jean Azevedo (BRA/KTM), a 1h00min27s


Fonte:
Equipe MOTO.com.br

Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br