RALLY CERAPIÓ 2006

Prova parte para o terceiro dia de adrenalina pelo nordeste brasileiro.

Por Fredy

Com 347 km para as motos e quadriciclos, 320 km para os carros 4x4 e mais 299 km para os carros 4x2, a segunda etapa do Rally Cerapió, disputada ontem no trecho entre Mossoró, no Rio Grande do Norte, e Souza, na Paraíba, foi considerada a mais técnica para os mais de 300 participantes. Também foi a segunda etapa do Campeonato Brasileiro de Enduro de Regularidade, válida para as motos.

O sol forte e o calor intenso do sertão paraibano foram ainda os principais obstáculos no segundo dia de competição, principalmente para as motos. Um dos trechos chaves foi a região serrana de Martins. "Foi uma prova bastante técnica, com algumas dificuldades, principalmente nas serras, tendo até engarrafamento", afirmou o piloto Lucas Rodrigues Orrico.

Depois da largada, na Estação das Artes, o destaque foi o trecho rápido do Teste de Velocidade Especial (TVE), com 14 km de percurso para as categorias 4x4 Especial e motos nacional e importada. 

O TVE terminou à porta do Sítio Arqueológico Lajedo de Soledade, próximo ao município de Apodi, cidade situada logo após Mossoró. O lugar é cercado de canions formados há milhões de anos e por inscrições rupestres pintadas nas rochas do lugar, há mais de oito mil anos. Algumas curvas do TVE, com trechos de estradão e barro, foram motivos para quedas - nada graves - de pilotos de moto.

Uma equipe de médicos, amparada por uma UTI móvel, não teve nenhum trabalho neste trecho. No TVE da primeira etapa, no Ceará, apenas um acidente com o piloto paraense Júnior Vilaça. Segundo o médico intensivista da UTI móvel, Jadílson Mendes, ele sofreu escoriações no pulso, mão e costas. "O piloto foi atendido rapidamente e depois encaminhado ao hospital público, em Aracati. Lá, foi feito raio-x e outros exames e nada de mais grave foi detectado, foi liberado logo depois", informou.

Depois da velocidade máxima, o ponto alto da etapa foi a passagem por Martins, região serrana, onde do alto dos mirantes é possível ver toda a beleza da cidade. Do Mirante da Carranca, a prova mostrou que é mesmo um grande rally, pois houve o encontro de motos, carros, quadriciclos e bicicletas, que se cruzavam de vários pontos do lugar, em um vai-e-vem incrível, com muitos down-hill para as bikes e up-hill para os motorizados. 

Um acidente com o piloto de moto novato, o baiano Caio Felipe Miranda de Oliveira, de 19 anos, foi o maior incidente do dia. Ele sofreu uma queda, em alta velocidade, atingindo a cabeça, em trecho próximo ao município de Felipe Guerra-RN.

A equipe abre-trilhas da prova passou pelo local e transmitiu as coordenadas para a equipe médica mais próxima. Álvaro Câmara, médico que prestou socorro ao competidor, informou que fez o atendimento no local e o encaminhou, ainda inconsciente, para hospital de Mossoró. "Ele foi submetido a uma tomografia computadorizada e não foi detectado nenhum traumatismo. Ele está sob efeito de sedativo, mas em estado de consciência e não tem nenhum perigo de vida", acrescentou Câmara. 

A chegada do rally aconteceu a partir das 15h para as motos, e a partir das 17h para os carros e foi abençoada com a passagem em volta da estátua de Frei Damião, em Souza, em pleno sertão paraibano. A terceira etapa acontece nesta quinta-feira, saindo de Souza com destino a Juazeiro do Norte, retornado pelo sertão cearense.

Atraso nos resultados

Embora já estejam no terceiro dia de Rally, os competidores do Cerapió só foram notificados, até o momento, dos resultados da primeira etapa. O motivo foi uma falha técnica no sistema coletor de dados, que recebe via satélite todas as informações do evento.

Parciais do primeiro dia:

Máster
1)Rogério Hermeto (MG) - 8,0 pontos
2)Jomar Grecco (ES) - 15,0
3)Noe de Oliveira (MG) - 16,0
4)Dimas Mattos (SP) - 29,0
5)Paulo Henrique (PI) - 32,0

Sênior
1)Daniel Rocha (PI) - 70,0
2)Luiz Eduardo (PE) - 90,0
3)Marden Frota (PI) - 132,0
4)Hernan Bonfim (PA) - 137,0
5)Miguel Luis (GO) - 150,0

Executivo
1)Ricardo Medeiros (MA) - 159,0
2)Fábio da Cunha (RJ) - 235,0
3)Glauber Henrique (CE) - 309,0
4)George Henrique (PI) - 377,0
5)Fábio Gayoso (PI) - 432,0

Over
1)Claudinei José (SP) - 182,0
2)Lenilton Araújo (SP) - 187,0
3)Homero Fuser (SP) - 228,0
4)Amilar José (MG) - 255,0
5)Eduardo Miota (SP) - 324,0

Junior
1)Serdiney Raimar (MG) - 81,0
2)Christian Serra (MA) - 161,0
3)Roberto Nascimento (MA) - 162,0
4)Cleber Gomes (SP) - 186,0
5)Nelson Costa (BA) - 340,0

Novatos
1)Amaury Fonseca (PA) - 246,0
2)Afrânio Sanford (CE) - 281,0
3)Helâindo Onofre (CE) - 293,0
4)Bruno Martins (PI) - 332,0
5)Sergio Ponciano (SP) - 437,0

Turismo
1)Francisco Chavier (CE) - 4.457,0
2)Vagner Espildora (SP) - 17.954,0
3)Aldo Almeida (SP) - 19.256,0
4)Tarcia Falbo (PE) - 20.723,0
5)Mario Hessel (SP) - 25.198,0


Fonte:
Equipe MOTO.com.br

Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br