Paranaense é o novo líder do Brasileiro de Cross

Segunda etapa do ano contou com mais de 35 mil pessoas em Siqueira Campos (PR).

Por Adilson

Mais de 35 mil pessoas, segundo o Corpo de Bombeiros, lotaram o Centro de Treinamento da Pro Tork, em Siqueira Campos, Paraná, para acompanhar neste fim de semana as provas da segunda etapa do Campeonato Brasileiro de Motocross.
 
O presidente da Confederação Brasileira de Motociclismo (CBM), Alexandre Guelman, ficou satisfeito. “Tivemos boas disputas em todas as categorias, prendendo a atenção do público. Foi um grande evento. Agora temos mais um excelente espaço de competições, e isso é muito importante para o motocross brasileiro”, avaliou.
 
A bateria da MX1 mais uma vez levou o público ao delírio. A corrida foi eletrizante, com Leandro Silva e Marronzinho protagonizando uma bela disputa pela primeira colocação. A poucos minutos do fim, Marronzinho teve problemas com a moto e ficou em terceiro. Wellington chegou em segundo, e Leandro foi o vencedor, assumindo a liderança do campeonato, com 45 pontos. “Eu estou trabalhando bastante, e vou treinar ainda mais para ficar com o título”, afirmou o piloto paranaense.
 
As ultrapassagens marcaram a prova da MX2. Ratinho, que largou em quarto, venceu mais uma e chegou aos 51 pontos. “Eu tive uma torção no pé esquerdo durante a prova, estava sentindo muita dor, mas consegui vencer e continuo na liderança. O ano está sendo perfeito para mim”, disse Ratinho.
 
A bateria da MX JR começou com Rodrigo Rodrigues na ponta, mas o piloto sofreu uma queda e Anderson Cidade assumiu a 1ª colocação. Ele ainda trocou de posição algumas vezes com Thales Vilardi, mas conseguiu cruzar primeiro a linha de chegada.
 
Na CRF 230, Carlos Maia liderou desde o início e venceu a corrida. O líder do campeonato é Nivaldo José Viana, que novamente ficou em segundo lugar e soma 40 pontos.

Milton Becker, o Chumbinho, venceu apertado na MX3 e disparou na liderança, com 50 pontos. Nico Rocha foi o segundo, seguido do irmão de Chumbinho, Elton.
 
Na 65cc, Kaio César de Miranda conquistou a segunda vitória da temporada, mantendo 100% de aproveitamento no Campeonato Brasileiro. Na 85cc, Rodrigo de Andrade Santos venceu com facilidade. A disputa pela segunda posição é que foi acirrada. Endrews Armstrong chegou apenas dois décimos à frente de Cezar Zamboni.
 
A próxima etapa do Campeonato Brasileiro de Motocross será em Carlos Barbosa, na Serra Gaúcha, nos dias 26 e 27 de abril.

Confira os cinco primeiros da prova paranaense:

MX1
1) Leandro Nunes da Silva
2) Welington Garcia
3) João Paulino da Silva Júnior
4) Douglas Parise
5) Thales Vilardi

MX2
1) Marcelo Ferreira de Lima
2) Rodrigo Selhorst
3) Douglas Parise
4) Swian Zanoni
5) Lucas Moraes

MX3
1) Milton Becker
2) Nicomedes Rocha Filho
3) Elton Becker
4) Jorge Negretti
5) William Guimarães
 
MX JR
1) Anderson Hauptli Cidade
2) Gustavo Pereira do Amaral
3) Thales Vilardi da Silva
4) Kaian Teixeira Evangelista
5) Hector Freitas Assunção

85cc
1) Rodrigo de Andrade Santos
2) Endrews Armstrong
3) Cezar Augusto Zamboni
4) Eduardo Rudmick
5) Gabriel Zenni

65cc
1) Kaio César de Miranda
2) Rodrigo José Riffel
3) Hallex Dalfovo
4) João Pedro Ribeiro
5) Gustavo Alves Santos

CRF 230
1) Carlos Maia
2) Nivaldo José Viana
3) Marcos Roberto Moraes
4) Lucas Pagnoncelli
5) José Márcio Barbosa
 
Classificação:

MX1
1) Leandro Silva, 45 pontos
2) Joao Paulino “Marronzinho”, 42
3) Welington Garcia, 37
4) Pipo Castro, 20
5) Roosevelt Assunção, 19

MX2
1) Marcello "Ratinho", 51 pontos
2) Rodrigo Selhorst, 31
3) Swian Zanoni, 30 
4) Jean Ramos, 23
5) Douglas Parise, 21 

85cc
1) Cezar Zamboni, 41 pontos
2) Rodrigo "Lama", 39
3) Everaldo Filho, 31
4) Endrews Armstrong, 29  
5) Eduardo Rudnick, 23

MXJr
1) Thales Vilardi, 42 pontos
2) Anderson Cidade, 36
3) Gustavo Amaral, 33
4) Hector Assunçao, 31 
5) Kaian Teixeira, 24

*A classificação geral esta disponível no site da CBM: www.cbm.esp.br.

Fonte:
Equipe MOTO.com.br

Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br