Mundial de Trial Indoor agita a Europa

Esporte que mescla técnica, perícia e equilíbrio já se prepara para a terceira etapa do ano.

Por Leandro Alvares

A temporada 2008 do Campeonato Mundial de Trial Indoor mal começou e já deu mostras de que promete ser uma das mais acirradas dos últimos tempos.

No último fim de semana, a categoria que une técnica, perícia e equilíbrio teve a realização de sua segunda etapa, na cidade de Barcelona — a abertura aconteceu em Marseille, na França.

Correndo em casa, Adam Raga desbancou os compatriotas Toni Bou e Albert Cabestany para faturar a sua primeira vitória do ano, a de número 33 na carreira do atual vice-campeão.

“Estou muito feliz com o resultado, pois lutei até o final e consegui me recuperar do início ruim de prova”, comemorou o piloto da Gas Gas, detentor de quatro títulos na competição.

Campeão de 2007 e vencedor da primeira etapa do certame, Toni Bou lamentou os erros cometidos na bateria final, mas acabou se contentando com o segundo lugar. “Foi uma pena não ter vencido aqui. Comecei bem a disputa, mas senti a pressão do Raga no fim e os erros vieram”, comentou o corredor da equipe Montesa-HRC.

Apesar da tristeza, Bou teve como consolo a manutenção da liderança do campeonato ao chegar aos 18 pontos, dois a mais que o compatriota Raga. Albert Cabestany, terceiro colocado em Barcelona, aparece nesta mesma posição na tabela de classificação, com 14 tentos.

A próxima etapa do Trial Indoor — esporte em que os participantes precisam superar obstáculos artificiais numa grande arena, sendo o grande desafio completar o trajeto sem cair ou colocar os pés no chão — será disputada neste domingo, na cidade espanhola de Granada.

O torneio seguirá até o dia 15 de março com a final em Madri, após passar por Portugal e Itália.

Resultado em Barcelona:
1) Adam Raga (ESP/Gas Gas)
2) Toni Bou (ESP/Montesa-HRC)
3) Albert Cabestany (ESP/Sherco)
4) Takahisa Fujinami (JAP/Montesa-HRC)
5) Jeroni Fajardo (ESP/Beta)
6) James Dabill (ING/Beta)
7) Dougie Lampkin (ING/Montesa-HRC)
 
Classificação:
1) Toni Bou, 18 pontos
2) Adam Raga, 16
3) Albert Cabestany, 14
4) Takahisa Fujinami, 10
5) Jeroni Fajardo, 8
6) James Dabill, 6
7) Dougie Lampkin, 4
8) Jérôme Bethune, 1

Fonte:
Equipe MOTO.com.br

Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br