MotoX: Cairoli e de Carli vão para KTM

Piloto e chefe de equipe trocarão o azul da Yamaha para correr com o laranja da marca australiana, em 2010.

Por Roberto Brandão

Antonio Cairoli e seu chefe de equipe, Cláudio de Carli, enceraram sua associação com a Yamaha e se juntaram com a equipe Red Bull KTM para as temporadas de 2010 e 2011 do Campeonato Mundial FIM de Motocross.

Cairoli, que fará 25 anos em setembro, já foi campeão da MX2 pela Yamaha e está no caminho para se tornar o campeão da MX1 na temporada deste ano.

Mas a estrela italiana passará do azul para o laranja em 2010, e seu chefe de equipe, de Carli, também irá com ele. A KTM tem hoje como seu piloto, Max Nagl, na 450cc, e Rui Gonçalves, que briga pelo título na 250cc. Gonçalves correrá ao lado de Cairoli na temporada do ano que vem.

O decacampeão mundial de motocross, Stefan Everts, será o diretor de prova para a equipe KTM e também será diretor de equipe da MX2, que terá como pilotos o francês Marvin Musquin, que também está na luta pelo título, mais Shaun Simpson, que está em recuperação, e Jeffrey Herlings.

“Isso representa o ápice de nosso trabalho de três anos. Com Cairoli na nossa já excelente equipe e Stefan Everts como diretor de prova, a KTM tem planos para ser a dominante do campeonato mundial de motocross” disse o Pit Beirer, o todo poderoso da KTM.

“Nós temos o talento, a espertesa, a experiência, e recordes de grandes resultados, de corridas ganhas e de pódios. Graças ao nosso excelente suporte técnico, nossas motos estão virtualmente na frente das outras. Com uma equipe com esta estrutura e estes pilotos, nossas esperanças para 2010 são ótimas”, concluiu Beirer.

Estrutura da KTM para 2010:

Diretor da KTM Offroad: Pit Beirer
Diretor de Provas: Stefan Everts

MX1
Chefe de Equipe: Claudio de Carli
Pilotos: Tony Cairoli, Max Nagl, Rui Goncalves

MX2
Chefe de Equipe: Stefan Everts
Pilotos: Marvin Musquin, Shaun Simpson, Jeffrey Herlings


Fonte:
Equipe MOTO.com.br

Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br