Motocross brasileiro em luto

Daniel Guelman, de 13 anos, morreu na manhã desta quarta-feira, no Rio Grande do Sul.

Por Leandro Alvares

O motocross está em luto pela perda de um dos mais promissores pilotos da nova geração. Faleceu na manhã desta quarta-feira, por volta das 5h, o carioca Daniel Guelman, de 13 anos, no Hospital Tacchini, em Bento Gonçalves (RS).
 
O piloto, que competia na categoria 85cc, sofreu um grave acidente durante o warm-up da terceira etapa do Campeonato Brasileiro, disputada no domingo passado na cidade gaúcha de Carlos Barbosa, e não resistiu aos ferimentos.
 
Durante o período em que Guelman ficou internado, houve uma grande movimentação no meio do motociclismo. Além do pronto-atendimento no local do acidente pela equipe médica do evento, representantes da organização, da Federação Gaúcha de Motociclismo, de concessionárias e de motoclubes compareceram para doar sangue, totalizando 30 doações apenas na segunda-feira — número limite do banco de sangue do hospital.
 
Guelman é filho de Alexandre Caravana, presidente da Federação de Motociclismo do Rio de Janeiro. Neste momento, a família está providenciando o transporte do corpo do piloto para Niterói (RJ), que será o local do enterro nesta quinta-feira.

O MOTO.com.br anuncia com tristeza esta notícia e presta condolências à família do piloto.

Fonte:
Equipe MOTO.com.br

Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br