Minas Gerais voltando com estilo

Reformulado, novo Campeonato Mineiro de Motocross começa nos dias 4 e 5 de abril.

Por André Jordão

Minas Gerais foi, durante muitos anos, referência no Brasil quando o assunto é Motocross. O estado já teve o regional mais forte do país, contando com os principais pilotos da modalidade e com disputas acirradíssimas.

Nos últimos anos, porém, a competição foi perdendo força e os principais pilotos do estado foram migrando para outros pólos. Em 2009, a nova Federação Mineira pretende recolocar o estado entre os principais do Brasil no esporte.

E o primeiro passo será dado nos dias 4 e 5 de abril, quando se inicia o Novo Campeonato Mineiro de Motocross. A prova será no Trilhas da Serra, na estrada de Santa Luzia para Jabuticatubas.

A competição está totalmente reformulada, com mais categorias e o retorno de pilotos importantes.
 
“Voltamos a realizar o campeonato em dois dias e aumentamos o número de categorias. Estamos resgatando o esporte e, depois de muito tempo, conseguimos unir todas as pessoas que lutam pelo esporte em prol da retomada do Motocross em Minas Gerais. Queremos voltar a dar o campeonato a expressão que ele sempre teve”, afirmou Ricardo Vieira, presidente da Federação de Motociclismo do Estado de Minas Gerais (FMEMG).
 
A competição começa no sábado às 10 horas da manhã, com os treinos livres. Já no sábado, competem as categorias Força Livre Dois Tempos, Nacional Força Livre, 65cc, Iniciante Força Livre e MX4 (para pilotos acima de 45 anos).

No domingo, à partir das 9 horas, é a vez da 85cc, MXJr, Intermediária, MX2, MX1 Força Livre e MX3. A entrada para o público é franca.
 
Por isso, cerca de três mil pessoas são esperadas para acompanhar a competição, que contará com grandes pilotos como o atual campeão Antônio Miranda, Rômulo Bottrel, Swian Zanoni, Erick Bretz e Mariana Balbi, que possui oito títulos mineiros e foi 5ª colocada no mundial feminino.
 
Swian Zanoni é um dos pilotos mineiros que, nos últimos anos, acabou migrando do estado. “Por causa do nível das provas, fiquei muitos anos sem competir aqui. Voltei este ano para a abertura do Supercross, com a nova federação e fiquei muito bem impressionado. Estou de volta e super feliz por voltar a competir em casa”, comentou.
 
A opinião do piloto é compartilhada por Mariana Balbi, que já participou das maiores competições do mundo. “Quem viu a abertura do Mineiro de Supercross viu que a nova Federação está fazendo um trabalho muito sério e que as provas serão em alto nível. Isso é um grande incentivo para nós”, disse.
 
A premiação total da etapa será de 15 mil reais. O Campeonato Mineiro de 2009 terá oito etapas, e o calendário completo será disponibilizado em breve.


Fonte:
Equipe MOTO.com.br

Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br