Mattos, sorridente, passa bem após queda

Piloto sofreu um corte na coxa direita e deve voltar ao Brasil nesta sexta-feira.

Por Leandro Alvares

Havia um galho no meio do caminho... e foi ele o responsável por tirar o brasileiro Dimas Mattos da disputa do Rally Dakar nesta quinta-feira, após um incidente entre  as cidades de Ayoun el Atrous, na Mauritânia, e Kayes, no Mali.

O brasileiro acabou caindo com sua KTM ao não conseguir desviar do obstáculo e precisou ser resgatado pelo helicóptero da organização.

Mattos sofreu um corte profundo na coxa direita, mas que não chegou a atingir nenhuma artéria, e deve retornar ao Brasil amanhã. “Peguei uma raiz escondida e fui ejetado da moto, e acabei batendo em um galho, que cortou minha perna”, contou o sempre sorridente corredor.

“Isso foi por volta do quilômetro 40, e depois eu ainda pilotei quase 100 quilômetros até o primeiro posto de controle, queria continuar na prova, mas quando mostrei o ferimento para os médicos, disseram que eu tinha que abandonar imediatamente”, explicou.

Antes da especial de hoje, o estreante no Dakar ocupava o 42º lugar na classificação geral das motos. “Estou chateado pelo que aconteceu, claro, mas ainda bem que não foi nada grave”, completou.

Fonte:
Equipe MOTO.com.br

Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br