Joaninha faturou o tetra da Copa Brasil

Sua apresentação foi considerada a melhor já feita pelo piloto mato-grossense na história.

Por André Jordão

Foi com perfeição que o piloto Gilmar “Joaninha” Flores fez sua apresentação na grande final da Copa Brasil de Motocross Freestyle, realizada na manhã do último domingo, na praia da Barra da Tijuca (RJ). Com um verdadeiro show de manobras, destaque para a variação de backflips, o atleta mato-grossense conquistou o tetra, mantendo-se invicto no evento que é considerado o mais importante da modalidade no país.

O resultado das eliminatórias disputadas no sábado já anunciava o grande favorito ao título. Joaninha levou o público ao delírio e para isso nem precisou arriscar-se fazendo as manobras mais ousadas do seu repertório. No Double Up, que vale pontuação dobrada, ele se deu ao luxo de fazer um Whip, uma simples entortada, classificando-se em primeiro, com 171 pontos, 16 a mais que o segundo colocado Jeff Campacci.

Ao retornar a pista, Joaninha se superou ao obter a pontuação máxima nas duas voltas. Foram 200 pontos conquistados em cada uma delas ao executar manobras como Backflip Double Can Indian Air, Backflip Superman, Backflip Nec-Nec e Backflip Heel Clicker. O desempenho foi suficiente para garantir a taça e sua hegemonia. Marcelo Simões foi o segundo colocado com 169 pontos, seguido do americano Derek Burlew com 167, Jeff com 148, Gian Bergamini com 137 e Paô Bergamini com 119.

“Conquistar a taça com pontuação máxima é algo que vai ficar gravado em minha memória eternamente. Estou muito feliz por atingir tal feito e tenho muito a agradecer a quem acredita no meu trabalho, como a Pro Tork. Espero crescer cada vez mais para levar emoção e adrenalina aos amantes do motocross freestyle”, comentou.


Fonte:
Equipe MOTO.com.br

Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br