Jean Azevedo troca moto por carro

Dakar marcaria a despedida do piloto nas competições de rally sobre duas rodas.

Por Leandro Alvares

Seguindo os passos de pilotos como o francês Stephane Peterhansel e o brasileiro Klever Kolberg, Jean Azevedo anunciou nesta segunda-feira a sua aposentadoria da categoria motos e transferência para os carros nas competições de rally.

O paulista de 33 anos já tem inclusive agendada a sua estréia nos automóveis. Será na próxima quarta-feira, em Fortaleza (CE), no início do Rally Cerapió.

“Estava me preparando para essa transição há mais de dez anos e, finalmente, sinto-me seguro para assumir esse posto dentro do time”, disse o corredor da equipe Petrobras.

Hexacampeão Brasileiro de Rally Cross Country entre as motos, Azevedo esperava fazer a sua despedida das provas com motocicletas no Dakar, completando também a sua décima participação no famoso evento. O cancelamento do rally, no entanto, estragou os planos do piloto.

“Tinha me preparado muito pare esse momento. Mas como a competição não estaria segura, tenho certeza de que os organizadores fizeram a coisa certa”, afirmou.

Sobre a participação no Cerapió, Jean fez questão de esclarecer a sua meta. “Só penso em ganhar experiência, por isso, o que interessa é ganhar quilometragem. Não vou com a obrigação e nem expectativa de uma prova de campeonato”, avisou.

“Espero que esta minha nova etapa profissional seja marcada por tantos resultados positivos quanto os conquistados nas motos”, torceu Azevedo, que terá Rodolpho Mattheis como substituto na categoria motos. “Ele é um piloto jovem, um grande atleta e tem tudo para conquistar excelentes resultados para a equipe Petrobras”, apostou.

Em sua primeira temporada nos carros, Azevedo deve disputar o Campeonato Paulista e o Brasileiro de Rally Cross-Country, além do tradicional Rally dos Sertões.

Fonte:
Equipe MOTO.com.br

Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br