Honda no pódio das categorias menores

A quinta etapa do Brasileiro de Motocross começou quente no Motódromo Vale do Teles Pires em Sorriso/MT. A temperatura no momento das provas alcançou máxima de 36° e foi um grande adversário para o condicionamento físico dos pilotos. Nesse sábado foram realizadas as provas das categorias MXJr, 65cc, MX3 e 50cc.
 
A chuva, que não costuma cair na região nessa época do ano foi um atrativo à parte no final da prova da MX3. Milton Becker, o Chumbinho, venceu novamente e subiu na classificação do campeonato. “Fizemos uma prova bacana e nós estamos sempre aqui para representar bem a nossa equipe, lutando por pontos. Isso é um mérito de todos, dos mecânicos, dos patrocinadores, do time e isso é bom para que o nosso trabalho continue forte para as outras provas”, destacou Chumbinho.

O paulista Cristiano Lopes conseguiu a segunda colocação a duas voltas para o fim e se mantém firme na ponta da tabela. “Foi uma prova boa e eu não conhecia a pista, que tem muita areia. Busquei a recuperação, pois sabia que íamos cansar muito. Essa vice-liderança na prova é muito importante para o campeonato, agora que faltam três etapas”, destacou Lopes.
 
O paranaense Vagner Lachi, que fez um bom início de prova, terminou em terceiro. “O evento está maravilhoso, muito bom. Essa prova é muito desgastante e eu fiz pensando no campeonato, já que estou em segundo. Agora é trabalhar melhor a minha parte aeróbica, já que hoje consegui andar no nível deles, que é muito forte. Eles estão de parabéns”, concluiu.
 
Na MXJr, domínio completo dos pilotos paulistas e da equipe Honda. Gustavo Takahashi administrou uma vantagem confortável durante a prova e conquistou a primeira vitória no ano. “Hoje tudo deu certo. Minha moto estava muito boa hoje. Gostaria de dedicar essa vitória para a minha equipe, a minha família e, principalmente, para a minha mãe, que faz aniversário hoje” agradeceu Takahashi.
 
Hector Assunção ficou em segundo, e Rodrigo Rodrigues terminou em terceiro. Com o resultado, o piloto paulista assumiu a liderança da categoria. “Não vai ser fácil manter-me na liderança. Correr numa pista arenosa como a de Sorriso é algo que me deixa mais competitivo e eu adoro esses tipos de terrenos, pois o meu rendimento melhora”, declarou.
 
Grandes emoções marcaram a disputa da 65cc. O goiano Gustavo Borges superou os adversários e venceu em Sorriso. “Essa é a minha primeira vitória. É um sonho que está se realizando e agora é ir para a próxima”, agradeceu.
 
O líder da categoria, Rodrigo Riffel, liderava tranquilamente até cair, a três voltas para o final. “No final da reta tinha um buraco, caí e virei para trás. Tentei fazer a moto pegar de volta, fui perdendo posições e não deu”, explicou. Riffel se recuperou e terminou em segundo.
 
O terceiro colocado na 65cc foi o paulista Gustavo Pessoa, que terminou seguido pelo conterrâneo Wilgner Francisco e do gaúcho Enzo Lopes.
 
Na 50cc os pilotos correram sob uma inesperada chuva, e o gaúcho Enzo Lopes foi o vencedor. A pista ficou mais pesada para os garotos da menor categoria e proporcionou boas disputas. Gabriel Santo ficou em segundo e Arthur Todeschini terminou em terceiro.
 
Hoje, no dimingo, acontecem as corridas das categorias principais, a MX1, MX2, CRF230 e 85cc. As provas tem inicio às 13h.
 
Resultados:
 
Categoria MXJr
1) Gustavo Takahashi
2) Hector Assunção
3)Rodrigo Rodrigues
4) Eduardo Lima “Dudu”
5) Rodrigo “Lama” Santos
 
 
MX3
1) Milton Becker
2) Cristiano Lopes
3) Vagner Lachi
4) Alexandro Martins
5) Marcio Nascimento

65 cc
1) Gustavo Alves Borges
2) Rodrigo Riffel
3) Gustavo Pessoa
4) Wigner Francisco
5) Enzo Lopes
 
50 cc
1) Enzo Lopes
2) Gabriel Santos
3) Arthur Todeschini
4) Glauter Filho
5) Felippe Menuzzi



Fonte:
Equipe MOTO.com.br




Compartilhe essa notícia

Receba notícias de moto.com.br