Després sagra-se bicampeão do Dakar

Jean Azevedo ficou em 25º na classificação geral. Carlos Ambrósio, em 50º.

Por Leandro Alvares

Etapa 15
Dakar (SEN) – Dakar (SEN)
Distância: 93km
Cronometrados: 16 km

Cyril Després comemorou neste domingo o seu bicampeonato no Rally Dakar. O francês faturou o título na base da competência e da sorte, afinal, contou com o abandono do espanhol Marc Comá, na última sexta-feira, para assumir a liderança da categoria motos e repetir a consagração de 2005.

Na última especial, de apenas 16 km, o piloto da KTM sequer esboçou preocupação com o resultado, já que possuía uma confortável vantagem sobre o compatriota David Casteu, o vice-campeão.

Com o 56º lugar na etapa, Després encerrou a disputa com 34 minutos de folga em relação ao conterrâneo. Chris Blais, dos EUA, ficou com o terceiro posto na classificação.

A vitória no 15º dia de competição foi conquistada por Janis Vinters, da Letônia, um dos destaques no terço final do rali. Pal Anders Ullevalseter concluiu o curto estágio em segundo e garantiu a quarta posição na soma dos tempos. Atrás do norueguês, tanto no dia como na tabela geral, veio o português Helder Rodrigues.

Vencedor da etapa de ontem, Jean Azevedo manteve o bom ritmo, completando o trecho cronometrado em quarto e garantindo a 25ª posição no campeonato. “Meu objetivo principal era chegar entre os cinco primeiros, mas como não deu, por conta dos problemas mecânicos que eu tive no deserto, é muito bom que eu tenha vencido uma etapa, é algo realmente difícil”, comentou o brasileiro.

Carlos Ambrósio chegou em 79° e encerrou o Dakar em 50°. “Nem acredito que cheguei até aqui. Essa prova é muito perigosa, muito difícil, estou muito feliz”, afirmou o brazuca.

Das 245 motos que largaram de Lisboa, em Portugal, apenas 132 terminaram a corrida. Entre os abandonos, dois corredores do Brasil: Sylvio Barros e Dimas Mattos, ambos por conta de acidente, embora sem gravidade.

Também conhecido como Rally da Morte, o Dakar 2007 infelizmente vitimou dois pilotos da categoria das duas rodas: o francês Eric Aubijoux, de 42 anos, e o sul-africano Elmer Symon, 29.

Na categoria carros, o título foi conquistado pelo francês Stéphane Peterhansel, que já foi seis vezes campeão entre as motos. Nos caminhões,  a taça ficou com o holandês Hans Stacey.

Classificação final, categoria motos:
1) Cyril Després (FRA/KTM), 51h36min53s
2) David Casteu (FRA/KTM), a 34min19s
3) Chris Blais (EUA/KTM), a 52min06s
4) Pal Anders Ullevalseter (NOR/KTM), a 1h37min57s
5) Helder Rodrigues (POR/Yamaha), a 2h30min41s
6) Janis Vinters (LET/KTM), a 2h44min21s
7) Michel Marchini (FRA/Yamaha), a 3h00min27s
8) Thierry Bethys (FRA/Honda), a 3h26min33s
9) Jaroslav Katrinak (TCH/KTM), a 3h40min10s
10) Jacek Czachor (POL/KTM), a 4h24min04s
25) Jean Azevedo (BRA/KTM), a 9h44min45s
50) Carlos Ambrósio (BRA/KTM), a 16h26min26s

Fonte:
Equipe MOTO.com.br

Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br