Apenas duas etapas para Canelinha

O Campeonato Mundial FIM de Motocross chega à sua décima terceira etapa, e fica mais próximo de sua visita ao Brasil.

Por Roberto Brandão

As três últimas rodadas do Campeonato Mundial FIM de Motocross começam neste fim de semana com o Grande Prêmio da República Tcheca, em Loket.

Na MX1, o piloto da Red Bull Yamaha, Antonio Cairoli segue firmemente na liderança, com 51 pontos de diferença para o segundo colocado, e futuro companheiro de equipe, Max Nagl.

Equanto isso, o piloto da KTM está se distanciando do terceiro colocado, David Philippaerts, que está 27 pontos atrás do alemão. Nagl espera vencer na mesma pista que venceu uma bateria no ano passado, para poder aumentar sua distância para Philippaerts, e diminuir para o líder.

Philippaerts levou a etapa Tcheca no ano passado, e uma repetição do mesmo resultado seria uma boa maneira de se proteger do piloto da Teka Suzuki, Ken de Dycker, que está apenas cinco pontos atrás, depois de vencer a última etapa, em Lommel.

Steve Ramon, voltou na última etapa de uma lesão no pescoço e conseguiu a quarta colocação. O piloto, que já foi campeão mundial, espera conseguir um lugar no pódio neste fim de semana.

Na categoria MX2, Marvin Musquin, que sofreu com intimações legais a respeito de sua mudança de equipe no meio da temporada, conseguiu uma vitória dupla em seu retorno, em Lommel, após ficar de fora de uma rodada.

Seu companheiro de equipe, Rui Gonçalves, subiu na tabela depois da etapa Belga, e está 38 pontos atrás de Musquin. Já Gautier Paulin, que já foi líder do campeonato, caiu para a terceira colocação, e está 11 pontos atrás de Gonçalves.


Fonte:
Equipe MOTO.com.br

Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br