ALTA TECNOLOGIA NOS SERTÕES

Edição de 2006 terá dispositivo sonoro e luminoso para evitar acidentes.

Por Thiago Fuganti

O Rally Internacional dos Sertões, maior prova off-road da América Latina e uma das maiores do mundo em número de participantes, não pára de investir em segurança. Depois do Spy, sistema eletrônico que controla a velocidade média dos competidores — implantando no ano passado—, a edição de 2006 terá mais um recurso para evitar acidentes.

Trata-se do Sentinel, aparelho que emite sinais sonoros e luminosos para alertar pilotos e navegadores de que outro veículo está em um raio de até 200 metros, evitando riscos de colisões na poeira e atropelamento nas ultrapassagens.

O Sentinel já é utilizado obrigatoriamente em todas as etapas do Campeonato Mundial de Rally Cross Country, entre elas o Sertões e o próprio Dakar. O equipamento é fundamental em competições em que a poeira predomina, prejudicando a visão dos concorrentes.

A decisão de adotar o Sentinel foi tomada durante uma reunião em Paris entre representantes do Rally dos Sertões, da FIM (Federação Internacional de Motociclismo) e da CBM (Confederação Brasileira de Motociclismo).

“A segurança de competidores, espectadores e de todas as pessoas envolvidas na prova é a nossa prioridade. Já adotamos no ano passado o limite de velocidade para carros, motos, caminhões e quadriciclos e agora estamos implementando o Sentinel”, afirmou Marcos Moraes, presidente da Dunas Race, organizadora do Sertões.

O Sentinel, da empresa francesa Protech Engineering, deverá ser alugado pelos competidores diretamente com a fabricante, que terá dois representantes europeus acompanhando o Sertões 2006 para dar a manutenção nos equipamentos durante a prova e tirar dúvidas dos participantes.

Precursor da tecnologia de ponta para os Sertões

O sistema Spy tornou possível controlar, e punir, se for o caso, aqueles que ultrapassam os limites de velocidade em zonas de radares, instaladas em vilarejos e cidades, ou denunciar o piloto que passou dos 150km/h, limite de velocidade imposto pela organização para todas as categorias.

Além da segurança, o Spy tem grande importância no desenvolvimento da parte técnica da competição. Por exemplo: caso algum trecho da prova seja interrompido por acidente ou qualquer obstrução, o Spy afirma com precisão quanto tempo determinado piloto perdeu parado e depois recompensá-lo na soma dos tempos. O mesmo acontece em caso de parada para prestar socorro a outro competidor acidentado. No Sertões é obrigatório ajudar o concorrente nestas situações e o tempo também será recompensado com precisão graças ao Spy.

O sistema foi desenvolvido pela empresa Maré Outdoor Sport, em parceria com a Tree Tecnologia, a pedido de organizadores de eventos e dos próprios competidores. O equipamento foi testado, aprovado e homologado pela CBA (Confederação Brasileira de Automobilismo), passando a ser de uso obrigatório em todas as provas de Rally Cross Country no Brasil.


A contratação do sistema deve ser feita à parte na Maré Outdoor Sports pelos próprios competidores, que também devem arcar com os custos da locação.
 
Ainda há tempo para inscrições

Quem quiser encarar a competição, seja de moto, carro, caminhão ou quadriciclo, tem até o fim de junho para confirmar a presença. A partir de julho, também serão aceitas as inscrições, mas com valores alterados — acrescidos de multa pelo atraso. Maiores detalhes podem ser obtidos no site www.dunas.com.br.

A largada do Sertões 2006 acontecerá no dia 27 de julho, em Goiânia. O encerramento do Rally Internacional será em no dia 4 de agosto, em Porto Seguro, litoral baiano.

O percurso deste ano será formado por 3.833 quilômetros, sendo 62% de trechos cronometrados e 80% inéditos. Além de Goiás e Bahia, o comboio passará por Tocantins, Maranhão, Piauí e Minas Gerais.


Confira a Programação dos Sertões 2006:

24 e 25/07: Vistorias
26/07: Prólogo, largada promocional e show em Goiânia
27/07: Largada da primeira etapa cronometrada
04/08: Término da competição no litoral baiano
05/08: Festa de encerramento do Rally dos Sertões



Fonte:
Equipe MOTO.com.br

Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br