Aberta a venda para o GP Brasil de MX no MS

Através do site www.mxgpbrasil.com, os amantes das duas rodas poderão comprar as entradas.

Por André Jordão

Começou nesta terça-feira a venda de ingressos para o GP Brasil de Motocross, prova que acontece nos dias 21 e 22 de agosto na capital sul-mato-grossense, Campo Grande. Através do site www.mxgpbrasil.com, os amantes das duas rodas poderão comprar as entradas para o evento mais disputado e competitivo da modalidade, que após dez anos de ausência voltou ao Brasil em 2009 e acontece em 2010 pelo segundo ano seguido.

Os torcedores terão três opções para acompanhar a prova no Motódromo de Campo Grande e os primeiros compradores terão descontos nos bilhetes. Adquirindo o ingresso até o dia 14 de junho o público terá 20% de desconto no setor popular. As cem primeiras pessoas que comprarem os lugares na arquibancada especial pagam apenas R$50,00.

A área Vip será completa, com visitação ao Paddock, num local coberto, com excelente vista para o circuito. O mesmo ingresso deste setor dará direito a serviço completo de buffet, open-bar, serviço de recepcionistas, estacionamento, brinde comemorativo e programa oficial do GP Brasil de Motocross, por R$800,00. Todas as entradas valerão tanto para o sábado, quanto para o domingo de provas.

Os amantes do esporte terão a oportunidade de ver de perto os maiores nomes do Motocross mundial e nacional, como Antonio Cairoli, David Phillipaerts, Marvin Musquin, Ken Roczen, Jorge Balbi Jr, Swian Zanoni e João “Marronzinho” Paulino em ação. A prova na Cidade Morena, como é conhecida Campo Grande, será a antepenúltima do campeonato e o circuito será inteiramente inovador, desenvolvido especialmente para a competição.

“O novo site desenvolvido para a prova levará ao fã do esporte todas as novidades relativas à prova, terá fotos, vídeos, para aproximar ainda mais o público ao Mundial. Esperamos que Campo Grande repita o mesmo sucesso de público que Canelinha teve em 2009, quando mais de 35 mil pessoas prestigiaram a etapa”, ressalta Federico Carli, diretor da Bracco Internacional, empresa detentora dos direitos do Mundial de Motocross na América Latina.

O GP Brasil de Motocross 2010 tem o patrocínio do Governo do Estado do Mato Groso do Sul, Honda, Mormaii, Red Bull e Teka Group. Realização Bracco Internacional e YouthStream. Supervisão CBM, Federação de Motociclismo do Mato Grosso do Sul e Federação Internacional de Motociclismo.


Fonte:
Equipe MOTO.com.br

Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br