WSBK: Spies atrás do prejuízo

O americano que agora está 40 pontos atrás de Noriyuki Haga diz que continua na briga.

Por André Jordão

Após ficar dez pontos atrás de Noriyuki Haga o novato Ben Spies viu todo seu trabalho ir por água a baixo neste domingo.

Apesar de ter feito uma perfeita Superpole o americano não conseguiu deter o japonês, que faturou sua primeira dobradinha no ano.

Spies terminou colado no piloto na Ducati na segunda corrida, entretanto seu acidente na primeira bateria o deixou 40 pontos atrás do japonês.

Spies perdeu o controle da sua R1, na primeira curva rápida na volta 10. O acidente marcou a primeira vez que o piloto caiu e não conseguiu terminar a corrida.

Após o incidente um desiludido Spies disse que ele era incapaz de dizer ao certo o que teria causado a queda, mas revelou que tinha sido vítima de um problema elétrico.
”Estava realmente difícil compensar o problema elétrico no punho, até que eu caí”, disse ele.

Apesar de ter a sua pior semana no WSBK até agora, Spies permaneceu otimista sobre suas perspectivas de avançar.
“Ainda é muito cedo”, disse ele. “Sabíamos que a Ducati seria forte aqui e ele provou isso. Em Assen vou tentar voltar à pista e ver se podemos ganhar novamente”.

Haga e Spies já venceram três corridas cada um nesta temporada, mas Haga tem três segundo lugares, enquanto Spies tem uma segunda posição e duas corridas não acabadas.

A série agora se desloca para Assen, na Holanda, no dia 26 de abril. Será a primeira corrida de Spies no lendário circuito holandês.

Classificação:
1) Noriyuki Haga, 135 pontos
2) Ben Spies, 95
3) Max Neukirchner, 65
4) Michel Fabrizio, 60
5) Leon Haslam, 58
6) Regis Laconi, 56
7) Max Biaggi, 54
8) Tom Sykes, 47
9) Yukio Kagayama, 35
10) Jonathan Rea, 33


Fonte:
Equipe MOTO.com.br

Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br