WSBK pode definir campeão em Vallelunga

Troy Bayliss chega à etapa italiana com 101 pontos de vantagem sobre Troy Corser.

Por Leandro Alvares

Com 101 pontos de vantagem em relação ao vice-líder do torneio, Troy Bayliss parte para a antepenúltima etapa do Mundial de Superbike com chances reais de confirmar o título por antecipação.

Para isso, o australiano da Ducati precisa manter na rodada dupla de Vallelunga a atual diferença que o separa do xará Troy Corser, da Yamaha, já que depois da prova italiana restarão somente 100 tentos em jogo.

Uma boa possibilidade, mas que por enquanto não está sendo alimentada de esperanças pelo competidor. “Prefiro não pensar sobre minhas chances de título já em Vallelunga. Farei apenas a minha lição de casa em ir para lá e acelerar o máximo que puder, da mesma forma que fiz nas etapas anteriores”, afirmou o veterano.

No ano passado, Bayliss conquistou uma vitória e um segundo lugar em Vallelunga, resultados que se forem repetidos no próximo fim de semana garantirão o campeonato para o piloto. “Espero ter condições de repetir ou quem sabe melhorar isso”, avisou.

Além da luta pelo terceiro título na categoria, as três rodadas finais da temporada representarão as últimas atuações de Troy antes da aposentadoria já anunciada. “É estranho pensar que eu só tenho mais seis corridas pela frente”, admitiu o corredor, campeão em 2001 e 2006.

Após Vallelunga, restarão apenas as etapas da França e Portugal para o encerramento do torneio.


Fonte:
Equipe MOTO.com.br

Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br