Stoner quer repetir vitória em Laguna Seca

Australiano se prepara para continuar com as vitórias e se aproximar dos líderes.

Por Adilson

Casey Stoner se prepara para continuar com a seqüência de vitórias neste fim de semana no Grande Prêmio dos Estados Unidos, entretanto o piloto da Ducati reconhece que não será fácil.

“A corrida em Laguna Seca ano passado foi fantástica e seria incrível repetir aquilo, mas sei que será muito difícil”, disse Stoner, vencedor da prova americana em 2007.

“Nós temos que acreditar na vitória e fazer o de tudo para poder chegar nos líderes do campeonato”, declarou.

“É um lugar maravilhoso e em geral eu gosto de correr nos Estados Unidos, pois o público e os fãs que se encontra no paddock são demais, todos muito empolgados, educados e apóiam todos os pilotos. A pista é muito boa, é um grande divertimento, mas também bastante técnica com muitas elevações e curvas difíceis”.

“Eu gosto porque parece natural. O traçado segue o desenho do solo e não é mais uma pista desenhada no computador. Espero poder largar bem e fazer um bom treino já na sexta-feira”, disse o australiano.

Stoner venceu as últimas três corridas saindo da pole position para acender ainda mais as chances do bicampeonato, depois de um começo de temporada complicado. O piloto da Ducati está 20 pontos atrás do líder, Valentino Rossi e a quatro do vice, Daniel Pedrosa.  

Seu companheiro de equipe Marco Melandri admitiu que está indo para Laguna Seca mais confiante depois de uma melhor apresentação na última etapa, na Alemanha.

“Eu gosto bastante de Laguna Seca. É uma pista pequena que dificilmente te dá chances para respirar e é muito técnica, com curvas muito velozes misturado com curvas de baixa”, disse Melandri.

“A Corkscrew é provavelmente uma das curvas mais famosas do mundo, entretanto, na realidade, não é tão crucial para a tomada de tempo”.

“De qualquer forma não é comum, mas muito bonita. Não tem outra curva tão excitante como ela. O traçado é um dos mais divertidos da temporada e a atmosfera é muito boa, muito especial. Sempre me fascino nos Estados Unidos e sempre fico esperando ansioso para ir para lá”.

“Vou desta vez com um espírito bem melhor, pois eu se que os progressos que fizemos na Alemanha vai continuar nessa etapa”, finalizou.

Fonte:
Equipe MOTO.com.br

Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br