Stoner acha que título ainda está longe

Piloto disse que não se acha um dos favoritos mesmo depois da dominante vitória na Inglaterra.

Por Adilson

O campeão Mundial de MotoGP, Casey Stoner, teve que agüentar algumas frustrações desde a vitória no Catar, na primeira corrida do ano. Porém o australiano chegou ao terceiro lugar na classificação depois de vencer o GP da Inglaterra, neste fim de semana.

Entretanto, Stoner ainda está separado do líder do campeonato, Valentino Rossi, por 45 pontos e a 34 do vice Daniel Pedrosa. O piloto da Ducati acha que essa diferença é muito grande para ser tirada na segunda metade do campeonato.

“Não estamos, no momento, numa posição para se preocupar com o campeonato”, disse Stoner. “Quem tem que se preocupar no momento são os líderes, não eu. Talvez no final do campeonato poderemos tentar alguma coisa se conseguirmos somar mais pontos”.

Mas Rossi acredita que a performance de Stoner em Donington Park não pode ser desprezada, e a Yamaha precisa crescer ainda mais para manter o italiano na frente.

“O campeonato é muito longo, e Casey não está fora do jogo com certeza”, disse Rossi. “Nós sabemos que temos que andar muito forte. Nosso ritmo em todas as provas é muito bom, temos vários pódios na temporada, boas corridas e três vitórias. Mas precisamos tentar fazer a moto ainda melhor”.

Os três primeiros do Mundial de MotoGP monopolizaram o pódio por três corridas consecutivas e Stoner acredita que vai ser difícil tirar essa vantagem dos pilotos da frente.

“No momento, parece que só esses três pilotos chegam ao pódio, então sinto que será muito difícil recuperar essa desvantagem, mesmo quando se obtém uma vitória”, disse Stoner.

“Seria muito bom tentar e fazer corridas como essa, mas só podemos fazer o nosso melhor e ver o que acontece no final”, declarou.

A ressureição de Stoner em Donington Park, veio depois de uma bem sucedida mudança no sistema do motor na Catalunha, nos testes pós-corrida.

“Eu acho que agora que conseguimos um bom acerto na moto podemos definitivamente melhorar nossos resultados e quem sabe dar a eles mais do que uma briga”, finalizou o campeão.

Fonte:
Equipe MOTO.com.br

Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br