moto.com.br
Publicidade:

Motovelocidade

SBK Brasil: Danilo Lewis sai com vitória no GP de Goiás

Piloto paulista da equipe Tecfil Racing Team vence após fazer uma impressionante prova de recuperação no Autódromo de Goiânia

21 de October de 2015
Compartilhe este conteúdo:

O piloto paulista Danilo Lewis (#17), da equipe Tecfil Racing Team, fez uma corrida brilhante e saiu com a vitória na 6ª etapa da categoria SuperBike, disputada no último domingo (18/10), no Autódromo Internacional de Goiânia, em Goiás. Esta é a primeira vitória do piloto nesta temporada do SuperBike Brasil e também a primeira pilotando uma moto de 1.000 cilindradas no campeonato.

Lewis vinha entre os primeiros nos treinos livres e classificatórios, mas não participou da segunda parte da SuperPole e acabou largando apenas na 15ª posição. Mas isso não causou nenhum impeditivo para que ele rapidamente entrasse disputa pela liderança da corrida. Já na primeira volta, Lewis ganhou 12 posições e ocupou o terceiro lugar, logo atrás das duas motos Honda Mobil.

Toda a segunda metade da corrida foi marcada pelo procedimento de segurança com a entrada do Safety Car na pista, em função do grave acidente que acabou vitimando o piloto Joãozinho Sobreira "Treze", de 32 anos, logo no início da prova.

Faltando apenas quatro voltas e com a reabertura da pista liberada, Lewis ultrapassou rapidamente Maico Teixeira (#36), da Honda Mobil, logo no final da reta dos boxes e iniciou a perseguição contra o líder, Diego Faustino (#68), Honda Mobil. O líder do campeonato não suportou a pressão e na volta seguinte Lewis assumiu a ponta.

Esta configuração das três primeiras posições seguiu até a última volta. Faustino tentou recuperar a liderança e chegou a ultrapassar Lewis no início da curva do S, mas levou o troco do piloto da Tecfil logo em seguida. Os dois entraram praticamente colados na reta dos boxes e Lewis recebeu a bandeira quadriculada em primeiro, com uma vantagem ínfima de um décimo para Faustino, que ficou com a segunda posição.

“Sabia que não seria fácil, mas consegui andar bem. Quando a bandeira amarela veio, e logo o SC, eu já estava em terceiro, depois de ter largado e 15°. E na relargada, logo passei o Maico e depois consegui passar também o Diego. No final ele me ultrapassou, mas recuperei na sequencia e consegui segurar até a bandeirada”, disse Lewis.

Para Faustino, essa primeira bateria foi maravilhosa. “Consegui manter o ritmo no começo. Quando teve a bandeira amarela, todo mundo ficou junto, e na relargada, Danilo nos ultrapassou. E ele está de parabéns por essa vitória.” Logo atrás, Maico Teixeira foi o terceiro a cruzar a linha de chegada. “Antes do SC eu vinha bem, e depois, a moto baixou um pouco o freio, fiquei brigando com ela. Estou feliz, porque está muito quente, difícil de andar. Daqui a pouco vem a segunda corrida de hoje e vamos com tudo.”

Já José Luiz ‘Cachorrão’ (#51), da equipe Honda Mobil, fez uma largada ruim e acabou perdendo algumas posições. Após enfrentar uma corrida de recuperação, o piloto conseguiu terminar a prova em quarto, logo à frente de Bruno Corano (#34), da Mobil Monster Energy Kawasaki SuperBike Team, o quinto colocado.

Já entre os pilotos que disputam a categoria Pro Amador, Fernando Min (#20), da MotoSchool Racing Team, foi o vencedor. Fabrício de Castro (#75), da BH Racing, ficou com a segunda posição, à frente de Alexandre Marzola (#00), da Spaal Dynamic/Red Red Bikes, em terceiro, de Rodrigo Rocky (#43), da MotoSchool Racing Team, em quarto, e de Luciano Bastos (#12), da S.S.W.A.T Racing Team, na quinta colocação.

O vencedor da categoria Pro Master foi Rogério Gentil Fernandes (#31), da Duda Racing Team, seguido por Elson Tenebra Otero (#2), da equipe Suzuki/Econs/Best Riders, em segundo.

Na Pro Estreante, Ricardo Negretto (#38), da Tecfil Racing Team, foi o mais rápido e encerrou a corrida em primeiro lugar, à frente de Iberson Thiago Vieira (#4), da Tecfil Racing Team, em segundo.

A sexta etapa do SuperBike Brasil também previa duas corridas para a categoria principal, mas a segunda sessão foi cancelada após o anúncio no intervalo do falecimento do piloto Joãozinho Sobreira "Treze". Todos os pilotos do Superbike Brasil ficaram bastante consternados e prestaram várias homenagens ao colega de pista.

A próxima etapa do Superbike está programada para acontecer no dia 22 de novembro, com a realização do GP do Paraná, no Autódromo Internacional Ayrton Senna, na cidade de Londrina. A grande final da competição está prevista para o dia 20 de dezembro, com o GP de São Paulo, na pista de Interlagos, na cidade de São Paulo.

RESULTADOS 

SuperBike Pró | Cinco primeiros
1º Danilo Lewis #17
2º Diego Faustino #68
3º Maico Teixeira #36
4º José Luiz “Cachorrão” #51 
5º Bruno Corano #34

CLASSIFICAÇÃO

SuperBike Pró | Cinco primeiros
01 Diego Faustino Honda CBR 1000RR 525 Pontos
02 Danilo Lewis Kawasaki Ninja ZX-10R 522
03 Maico Teixeira Honda CBR 1000RR 520
04 José Luiz Teixeira Honda CBR 1000RR 518
05 Bruno Corano Kawasaki Ninja ZX-10R 516
 
 
 
Foto: Wellington Nunes e Ricardo Santos (VGCOM)/Divulgação


Fonte:
Equipe MOTO.com.br
Compartilhe este conteúdo:

Honda apoia o Brasil no mundial MotoGP com Eric Granado

Eric Granado é o grande campeão do Europeu CEV Moto2

MotoGP: Marc Marquez é o campeão de 2017 no GP da Espanha

MotoGP: GP da Espanha acontece neste domingo (12/11)

Grande final do Supermoto 2017 é sucesso em Registro (SP)

SBK Brasil: 8ª e última etapa será realizada dia 26/11 em Interlagos

WSBK: Vitória dupla de Jonathan Rea no deserto do Catar

Desmosedici Stradale é o novo motor Ducati quatro cilindros

SBK Brasil: Eric Granado vence etapa de Londrina (PR)

Trackday: um dia de pista é garantia de pura diversão

SBK Brasil: GP de Curitiba acontece nesse final de semana

HND Racing PRT reforça grid das 500 Milhas Brasil

Yamaha vence 8 Horas de Suzuka com a nova YZF-R1

Rafael Paschoalin conquista pódios em provas de Flat Track nos EUA


Comente

Para comentar é necessário autenticar, clique aqui!


Busca Rápida

Busca avançada

Comprar ou vender

Cadastre-se | Anuncie agora!

Anúncios em Super Destaque

Montadoras