Rossi almeja recuperação em Assen

Italiano tenta descontar a vantagem de 26 pontos que o separa de Casey Stoner na classificação.

Por Leandro Alvares

Inconformado com o desfecho do GP da Inglaterra, Valentino Rossi afirmou nesta terça-feira que não vê a hora de voltar à pista para esquecer por completo o seu fraco desempenho apresentado em Donington Park.

Para a sorte do italiano, a MotoGP já encara no próximo sábado a nona etapa da temporada, no circuito de Assen, na Holanda.

“Essa seqüência de provas me deixou feliz porque eu fiquei muito desapontado por ter chegado em quarto no último domingo, pelo fato de ser um circuito onde eu sempre andei bem e por ser um dos meus favoritos”, disse o piloto da Fiat Yamaha.

“Eu estava bastante decepcionado depois da corrida, mas nós fizemos uma longa reunião e descobrimos o que houve de errado. Agora, precisamos corrigir as deficiências”, acrescentou o atual vice-líder do campeonato, que está a 26 pontos do australiano Casey Stoner.

Sobre Assen, Rossi garantiu ter enorme simpatia com o circuito. “É outra das minhas corridas prediletas. Foi uma pena os organizadores terem modificado o layout do traçado no ano passado, pois removeram a parte mais excitante da pista. De qualquer forma, Assen continua sendo um dos templos legendários do calendário, de onde espero sair com a vitória”, finalizou.

A última edição do GP da Holanda não foi das melhores para o “Doutor”, que sofreu um forte acidente nos treinos livres e teve um osso da mão direita e da perna esquerda fraturados. Mesmo contundido, o astro da MotoGP participou da prova. Largou em último e chegou em oitavo. A vitória em 2006 ficou com o norte-americano Nicky Hayden, da Repsol Honda.

Fonte:
Equipe MOTO.com.br

Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br