Rompimento oficial entre Hayden e a Honda

Em coletiva de imprensa, americano anuncia saída da equipe japonesa ao fim da temporada.

Por Leandro Alvares

O que havia sido dito somente para um jornal tornou-se coletivo nesta sexta-feira. Na conferência de imprensa em Indianápolis, Nicky Hayden afirmou que realmente deixará a Repsol Honda ao final da temporada 2008 da MotoGP.

“Será uma grande mudança para mim, mas ainda há cinco corridas para acabar o campeonato. Tive grandes momentos com a Honda, independente das coisas terem ficado feias ultimamente”, afirmou o campeão de 2006, que evitou falar sobre sua ida praticamente acertada para a Ducati.

“Não há segredo. Todos já sabem qual será o próximo passo da minha carreira. Estou muito ansioso por isso”, destacou o norte-americano, cuja contratação pela equipe italiana deve ser anunciada em breve.

Um dos motivos que ocasionaram o rompimento da relação entre o piloto e a Honda foi a diferença de tratamento dada a Daniel Pedrosa, que a partir deste fim de semana passa a correr com os pneus Bridgestone.

“Eu fiquei chocado, já que ninguém me disse nada. Fiquei sabendo disso pouco  antes de começar a corrida de Misano”, declarou Hayden, referindo-se ao privilégio da mudança de compostos concedido ao seu companheiro de equipe. “Assim como todo mundo, não pude acreditar e não sei muito bem o que dizer”, prosseguiu.

Apesar do clima insustentável, Nicky garantiu não ter planos de deixar a Honda antes do encerramento do campeonato. “Pode parecer loucura, mas eu tenho muita consideração pela equipe e vou para a pista dar o máximo do meu potencial. A não ser que tranquem a porta para mim, vou subir na moto e acelerar”, finalizou.

A parceria entre Hayden e a Repsol Honda perdurou cinco anos. Neste período, o piloto obteve três vitórias, cinco pole-positions, 23 pódios, cinco voltas mais rápidas e um título mundial. No certame em vigência, o estadunidense ocupa o 11º lugar da classificação, com 84 pontos.


Fonte:
Equipe MOTO.com.br

Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br