Racing Day no Autódromo Raul Boesel

Nos dias 16 e 17 de maio, o Autódromo Internacional de Curitiba recebe o Racing Day, que contará com o Desafio 201 metros de Arrancada e a segunda etapa do campeonato Paranaense de Motovelocidade. Com ingressos a R$ 10,00, o público terá acesso as arquibancadas e aos boxes.

"Estamos fazendo dois eventos em um final de semana. Quem gosta de arrancada vai assistir os pegas em 201 metros e curtir a motovelocidade", explica o diretor da Força Livre Motorsport, Eduardo Pereira.

No sábado, das 9h às 17h, acontecem os treinos de motovelocidade em seis categorias. Serão pelo menos 50 motos disputando mais uma etapa do Paranaense. No domingo, a partir das 10h45, começam as disputas sobre duas rodas. As 500cc entram primeiro na pista para percorrer 18 voltas no circuito Raul Boesel.

Em seguida, o público pode acompanhar as categorias Streetsport, Supersport e Streetbike que fazem 20 voltas. Às 12h35, entram no circuito as motos Pró-Streetbike e Superbike que vão realizar 23 voltas na pista.

O Desafio 201 metros, só para carros, começa no domingo, às 14h, e será encerrado às 17h30. O Racing Day termina com um show de manobras radicais.

"Estamos fazendo mais um evento para retirar os rachas de rua e levar para o Autódromo. Será cobrado um valor bem acessível para que motoristas possam acelerar seus carros sem colocar a vida de ninguém em risco", explica Pereira.

Para participar a pessoa deve ser maior de 18 anos e estar habilitado. O valor da inscrição é de R$ 60,00 e cada motorista vai poder acelerar quantas vezes quiser das 14h às 17h30.

"Vamos limitar a inscrição em 150 carros. O motorista acelera, faz a volta na área de box e retorna para o fim da fila para acelerar novamente", explica o diretor da Força Livre, Adalberto Monteiro.

"A idéia é acelerar contra o amigo com segurança. Não é uma competição, não existe pontos e nem premiação. O participante irá receber apenas um extrato de tempo para simples conferência", explica Monteiro.

Todos os veículos vão passar por uma vistoria de segurança. Para participar o carro não pode ser de competição, o cinto de segurança deve estar em boas condições (com três pontos de fixação), o extintor de incêndio é obrigatório e deve estar carregado. Além disso, o escapamento deve estar localizado em seu local original e os pneus, suspensão, freios e rodas devem estar em boas condições. Para entrar na pista os participantes deverão usar capacete fechado, calça comprida e tênis.



Fonte:
Equipe MOTO.com.br




Compartilhe essa notícia

Receba notícias de moto.com.br