Preziosi diz que Ducati irá de ''Big Bang'' em 2011

Após conclusão do 1° teste de Rossi com a Ducati em Valência, o diretor Geral da Ducati Corse afirmou que utilizarão o motor ?big bang? no ano que vem.

Por Roberto Brandão

Após a conclusão do primeiro teste de Valentino Rossi com a Ducati em Valência, na quarta-feira, o Diretor Geral da Ducati Corse, Filippo Preziosi, falou sobre o feedback dado pelo piloto italiano e por Nicky Hayden relativamente às suas versões do motor que foram testadas no circuito Ricardo Tormo.

Rossi rodou grande parte de terça e quarta-feira com o motor “big bang”, e no final do primeiro dia fez ainda uma volta com a versão “screamer”, enquanto Hayden acabou experimentando ambos. Preziosi afirmou: “Tendo por base a informação que o Nicky nos deu, não era necessário testar (a versão “screamer”) com o Valentino. Ainda não decidimos, mas vamos reunir-nos muito em breve para nos decidir”.

 “Penso que vamos utilizar o “big bang” na moto de 2011. O Nicky e o Vale sentiram que é um passo a frente, em comparação a 2010. Acredito que o “big bang” é mais fácil de utilizar e transmite mais confiança ao piloto. Neste momento, sugiro que continuemos com esse”.

Relativamente às questões colocadas por Rossi após as 141 voltas que rodou nos dois dias, Preziosi adiantou: “Mais rotação e mais confiança na frente, por isso temos que trabalhar nessa direção. Também gostava de alterar a rigidez (do chassis), a distribuição do peso e a geometria”.

O tempo assinado por Rossi na sua volta mais rápida - 1min33s761 – colocou-o na 15ª posição da tabela de tempos no final do dia de quarta-feira e quando questionado sobre se tinha gostado de trabalhar com o piloto de 31 anos, Preziosi declarou: “Incrível. Para mim estar calmo quando se lidera a tabela de tempos é fácil, mas continuar calmo quando não se está no topo da tabela significa que se é realmente um grande piloto”.


Fonte:
Equipe MOTO.com.br

Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br