MotoGP: Rossi foi o mais rápido

Lorenzo e Pedrosa fecharam os três melhores nos primeiros treinos livres em Misano.

Por Roberto Brandão

Roberto Brandão Filho

Valentino Rossi forçou o ritmo e superou seu companheiro de equipe, Jorge Lorenzo, marcando o melhor tempo durante os primeiros treinos livres para o Grande Prêmio de San Marino, num dia quente e ensolarado em Misano.

Misano fica somente 15km de distância da cidade natal de Rossi, Tavullia, e o ídolo local colocou o peso do favoritismo nas costas de Lorenzo e da Repsol Honda de Daniel Pedrosa durante a coletiva de imprensa antes do evento.

Isso pareceu ser uma manobra para reduzir as expectativas sobre o italiano, mas provou ser uma previsão correta de Rossi. Durante quase toda a hora do treino livre, os espanhóis lideraram a tabela de tempos.

Com 51min de treino, faltando apenas nove para o final, Rossi apareceu pela primeira vez na posição de destaque, por apenas 0s026 na frente de Lorenzo. O octocampeão permaneceu no topo até o fim do treino e ainda marcou uma nova melhor volta, e abriu 0s126 do jovem espanhol.

As voltas de Pedrosa acabaram quando ele sofreu com a falha no motor de sua RC212V, mas mesmo assim continuou com o terceiro melhor tempo. O piloto espanhol ficou 0s776 atrás de Rossi e com certeza só poderá trabalhar com quatro motores até o final da temporada.

O piloto de casa, Alex de Angelis, que conseguiu seu primeiro pódio na última etapa, em Indianápolis, liderou os estágios iniciais dos treinos livres antes de cair de sua Gresini Honda. De Angelis desceu para a oitava posição na metade da sessão, mas aumentou seu ritmo e pulou para o quarto lugar, ficando apenas 0s016 atrás de Pedrosa.

O companheiro de equipe de Pedrosa, Andrea Dovizioso, utilizando a suspensão Ohlins em sua moto pela primeira vez, conseguiu o quinto melhor tempo em solo italiano.

O americano Colin Edwards colocou mais uma Yamaha nos seis primeiros lugares, enquanto Mika Kallio, em sua terceira e suposta última vez substituindo Casey Stoner na Ducati Marlboro, fez o sétimo melhor tempo, 1s115 atrás de Rossi.

A Rizla Suzuki de Loris Capirossi apareceu na oitava posição, com a Monster Yamaha Tech 3 de James Toseland na nona colocação, e Nicky Hayden, que anunciou ontem sua extensão de contrato com a Ducati para 2010, fechando os dez melhores tempo.

Um pouco mais atrás, o jovem Aleix Espargaró, que fez sua estréia na MotoGP em Indianápolis, colocou sua Pramac Ducati na décima terceira posição de 17 pilotos.

Amanhã será definido o grid de largada para a décima terceira rodada da MotoGP, no Grande Prêmio Cinzano de San Marino e Riviera Rimini.

Resultados:
1) Valentino Rossi (ITA/Fiat Yamaha), 1min35s304
2) Jorge Lorenzo (ESP/Fiat Yamaha), 1min35s430
3) Dani Pedrosa (ESP/Repsol Honda), 1min36s080
4) Alex de Angelis (RSM/Honda Gresini), 1min36s096
5) Andrea Dovizioso (ITA/Repsol Honda), 1min36s316
6) Colin Edwards (EUA/Yamaha Tech 3), 1min36s350
7) Mika Kallio (FIN/Ducati Marlboro), 1min36s419
8) Loris Capirossi (ITA/Rizla Suzuki), 1min36s508
9) James Toseland (ING/Yamaha Tech 3), 1min36s588
10) Nicky Hayden (EUA/Ducati Marlboro), 1min36s608
11) Randy de Puniet (FRA/LCR Honda), 1min37s056
12) Toni Elias (ESP/Honda Gresini), 1min37s057
13) Aleix Espargaro (ESP/Pramac Racing), 1min37s126
14) Chris Vermeulen (AUS/Rizla Suzuki), 1min37s134
15) Niccolo Canepa (ITA/Pramac Racing), 1min37s306
16) Marco Melandri (ITA/Hayate Racing), 1min37s454
17) Gabor Talmacsi (HUN/Scot Racing), 1min37s869


Fonte:
Equipe MOTO.com.br

Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br