MotoGP: Márquez continua na Moto2 em 2012

Após várias semanas de rumores sobre o jovem espanhol e a eventual mudança para a categoria rainha em 2012, o próprio Marc Márquez e seu empresário Emílio Alzamora esclareceram todas as dúvidas com a imprensa no circuito de Sepang nesta quinta-feira. A palavra final é que Márquez vai continuar na Moto2 durante mais uma temporada antes de passar para a MotoGP.

"Estou contente com a decisão, este é o meu primeiro ano na Moto2, trabalhamos muito e agora o meu nível está melhor que o esperado no início da temporada”, afirmou o jovem de 18 anos. “Temos um contrato de dois anos para correr na Moto2 e, por esse motivo, não tinha qualquer pressão no início da temporada. Depois da minha pilotagem ter progredido a um nível melhor que o esperado, consegui melhorar passo a passo e agora, no final da campanha, é hora de olhar para todas as possibilidades e estudar o que tivemos. Creio que a melhor opção é ficar na Moto2 mais um ano porque aprendo algo novo em todas as corridas. Foi uma decisão difícil, mas penso que é a correta".

Márquez reforçou que não está desapontado com a decisão final, dizendo: “Não estou desapontado por ficar mais um ano, tenho apenas 18 anos e só tenho um ano de Moto2 e penso que ficar na categoria durante dois anos é bom. Todos, ou quase todos os pilotos, ficam dois anos e penso que mais uma temporada será boa para mim porque vou ganhar mais experiência e quando chegar à MotoGP, se chegar, estarei certamente muito melhor preparado", concluiu.

O Diretor de Equipae da CatalunyaCaixa Repsol, Alzamora, partilhou o mesmo sentimento: “O Marc ainda está aprendendo muito na Moto2 e tem grande carreira pela frente. A decisão é clara, ele é um piloto jovem com longo futuro pela frente e acreditamos que o melhor é fazer uma coisa de cada vez”.

Com apenas duas etapas para o fim da temporada, Márquez vai para o Grande Prêmio da Malásia, neste fim de semana, com o objetivo de tentar recuperar a liderança do Campeonato, atualmente detida pelo rival Stefan Bradl por apenas três pontos.



Fonte:
Equipe MOTO.com.br




Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br