MotoGP Aragón: do thriller ao tédio em 45 minutos

Giglio Val

Comecemos pelo thriller… assistimos nesta manhã de domingo a mais espetacular prova de Moto2 da história e quem sabe uma das mais incríveis de todas as categorias. Uma largada compacta, Marquez cai para terceiro e a partir daqui até a 11º volta é impossível descrever em detalhes como as posições se alteraram…

A não ser que escreva uma bíblia! ....Loucura pessoal, esta corrida teve 5 lideres, houve mais de 25 trocas de liderança, e em uma volta, a 4º creio, houve 5 lideres na mesma volta…

Foi muito animal ver um grupo de alucinados entre eles, Iannone, Marquez, Bradl, Hedding que liderou na primeira volta, De Angelis, Corsi, Espargaró, Smith, Luthi etc... formando um pelotão compacto até a volta 6 ou 7…

Iannone no seu estilo macarronesco, vem abrindo caminho até assumir a liderança, na 7º volta, daí pensei que ia pras cabeça e sumir… Acho que o que sumiu mesmo foi seu pneu… Não se afastou e Marquez e Corsi  foram capazes de persegui-lo… Logo depois chega o sempre competitivo DeAngelis… Bradl foi uma ameaça nas 8 primeiras voltas…

Já faltando 6 voltas, Marquez, que eu que não gosto (mas respeito) por vê-lo como um  enlatado espanhol, talentoso com o melhor equipamento, já abre na frente para não perder mais… Vou explicar mais: o menino é sim muito bom, e parece ter a cabeça no lugar... e é muito corajoso , mas dá raiva de ver a superioridade de sua moto, chassis e motor em relação a esmagadora maioria do grid.

Começo a vê-lo como sério candidato ao título já na sua estreia em 2011, e pode ser que esteja no próximo ano no lugar de Dovi…

Bradl é ainda líder por 6 pontos …mas sua liderança derrete como um pudim no sol…

Nota final sobre Elena Rossel, única mulher do grid, que correu pela Aspar, com grande apoio do meu amigo Jaime Avilés, dono da equipe Laglisse campeã do CEV! ...ela chegou em último a quase uma volta do líder, mas pode terminar sem atropelos, como na última vez que participou, quando caiu 3 vezes e não pôde correr.

Aliás, ele, Bradl, que chegou a liderar, nas últimas 8 voltas pareceu ter problemas, perdeu ritmo e chegou em 8º…

Vamos ao Tédio! MotoGP… Largada normal, Stoner para variar é ultrapassado por Dani , mas que como sempre não resiste… Um  impressionante bote de Spies o leva de 3º ao 1º, e me parecia que poderia protagonizar… parecia…

Não tomou muito tempo para o top model da “Playmobil” perder a posição para o espumante canguru que vai para cima de Spies e já na 2º volta ultrapassa na reta e desaparece… inclusive das câmeras… o zelador de maquete espanhol passa pelo texano também e tenta seguir Stoner… mas ficou na tentativa, apenas…

E o incauto leitor pergunta… e o nosso peruca? Ele estava lá sim, vinha para passar Lorenzo que realmente teve uma corrida apagada, para depois passar Spies, o faz, e parece que vai buscar os ponteiros, isto na 6 volta… Bom ele foi buscar quase um bandeirinha, e perdeu 2 lugares, no caso de Lorenzo quase há uma porrada com o italiano… Sic não teve mais força para buscar Lorenzo, que se aproveitando da redução de ritmo de Spies faturou um pódio sem grandes esforços… alguns gestos entre os pilotos da Yamaha podem dar margens a varias interpretações…

Não é fácil ser colega de Lorenzo…

Rossi, que saiu do pit por troca de motor (aliás, já esta no último…), tentou algo, mas acabou em 10º… ele continua trabalhando no futuro… Não dá para outra coisa.

Meu amigo Elias começou bem, mas como sempre foi perdendo ritmo e no final tem um estranho acidente com Caipirossi e abandona.

Bautista com um estupendo 6º! Olha a Suzuki!

Stoner já tem o champagne na geladeira, e Lorenzo, se tiver espelho na sua casa, já deve começar a fazer planos para o próximo ano… este ano já tem dono!

Abraço do Giglio!

Giglio Val, 46 anos, é engenheiro e administrador de empresas. Fundou o Blog do Giglio (www.gigliof1.blogspot.com), que trata do mundo das competições. É patrocinador principal e manager do piloto brasileiro Danilo Lewis, que corre o Italiano de Stock 600cc Michelin Power Cup e o TNT Superbike no Brasil. Destemido, trabalha intensamente no projeto “Brasil no pódio da MotoGP 2015”.



Fonte:
Equipe MOTO.com.br




Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br