Michelin promete novos pneus para Rossi

Fabricante francesa busca melhor rendimento de seus compostos para as corridas.

Por Leandro Alvares

Derrotada pela rival Bridgestone em duas das três etapas realizadas do Mundial de MotoGP, a Michelin prometeu nesta quinta-feira novos e eficientes compostos para a próxima corrida do certame.

A fabricante francesa de pneumáticos enfrentou sérias dificuldades na prova da Turquia, disputada no último fim de semana. Na lista dos dez primeiros colocados, conseguiu somente o sétimo e o décimo lugares, com Nicky Hayden e Valentino Rossi, respectivamente.

O problema a ser resolvido é o desgaste excessivo dos compostos durante o GP. Esta deficiência, aliás, foi a principal responsável pela má atuação de Rossi na rodada turca, na qual largou da pole-position.

Nos testes da segunda-feira, na pista de Istambul, “Vale” treinou com pneus mais duros em seu modelo da Fiat Yamaha e se disse satisfeito com o desempenho da moto, de acordo com a Michelin.

“Ele ganhou mais confiança e estabilidade com a borracha mais rígida e será com base nesses dados obtidos que iremos desenvolver novas especificações para a etapa de Xangai”, afirmou Jean-Philippe Weber, diretor do departamento de competições da Michelin.

A quarta corrida do torneio está marcada para o dia 6 de maio, na China.

Fonte:
Equipe MOTO.com.br

Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br