Granado chega ao país cheio de conquistas

Jovem piloto também trouxe da Espanha muitos elogios de seu chefe de equipe, Julian Miralles.

Por André Jordão

Eric Granado retornou esta semana ao Brasil com dois novos importantes troféus para a sua coleção de prêmios: o de campeão do Cuna de Campeones Bancaja e o de vice-campeão do Mediterrâneo de Motovelocidade, ambos pela categoria PréGP 125 cilindradas.
 
A entrega das premiações ocorreu no domingo passado, no circuito de Valência, palco da última etapa dos dois torneios espanhóis, com a presença de nomes respeitados no mundo do esporte a motor, como o piloto Hector Barberá, que disputa o Mundial de Motovelocidade.
 
Outra figura de renome presente foi Julian Miralles, ex-corredor do Mundial e atual chefe de equipe de Granado na Mir Racing. Para o veterano, o ano do jovem brasileiro foi excelente. “A melhor temporada, sem dúvida. O Eric surpreendeu a todos com a ótima preparação feita no Brasil e demonstrou todo o seu desejo de vencer logo no início do ano, ao marcar pole positions e acumular vitórias”, elogiou.
 
Apesar de ter perdido o título do Mediterrâneo por apenas um ponto, Miralles se disse muito satisfeito com o desempenho de seu corredor. “Não faltou nada a ele para ser campeão. O que devemos analisar é que ele sempre esteve entre os melhores nas 12 corridas que fez e venceu metade delas”, lembrou o espanhol, referindo-se às quatro proezas obtidas pelo brazuca no Bancaja e as outras duas no Mediterrâneo.
 
Em 2010, Granado correrá na categoria PréGP Evo, destinada a motos de 125 cilindradas mais potentes. Para Miralles, a expectativa é de novas surpresas positivas por parte do piloto de 13 anos. “Ele precisa manter a mesma estratégia de 2009 e trabalhar muito forte para este desafio. Pelo que conheço dele, posso dizer que me sinto confiante para brigarmos por novos títulos”, afirmou.
 
Ano vencedor


Eric Granado disputou um total de 12 etapas na temporada 2009, seis pelo Cuna de Campeones Bancaja e outras seis pelo Campeonato Mediterrâneo.
 
No Bancaja, o piloto conquistou o título da categoria PréGP 125 cilindradas com um saldo de quatro vitórias, um segundo lugar e apenas um abandono. Além disso, obteve quatro pole positions e fez a volta mais rápida da prova em quatro ocasiões.
 
No Mediterrâneo, Granado garantiu o vice-campeonato com quatro pódios, sendo duas vitórias, um segundo e um terceiro lugares, além de pole positions e voltas mais rápidas.


Fonte:
Equipe MOTO.com.br

Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br