Emoções da MotoGP agora na Catalunha

Espanha recebe a sétima etapa do Mundial apenas uma semana depois de Mugello.

Por Adilson

O Campeonato Mundial de MotoGP deixa a Itália para rumar para a Espanha sem que haja muito tempo para recuperar o folego naquela que é a primeira sequência de dois fins-de-semana de corridas seguidas.

O Grande Prêmio da Catalunha chega ao circuito de Montmeló, perto de Barcelona, e se as corridas anteriores servem de algum tipo de exemplo para a sétima prova do ano, então deveremos presencear mais um belo espetáculo.

Numa sequência de três vitórias consecutivas, Valentino Rossi lidera a competição. O italiano garantiu o sétimo triunfo consecutivo em Mugello na categoria rainha, somando agora um total de 122 pontos.

Por isso, os pilotos que quiserem levar a melhor sobre “o Doutor” têm uma árdua tarefa pela frente, pois com oito vitórias em todas as classes na Catalunha, incluindo cinco na categoria principal, o heptacampeão do Mundo está perante a mais um dos traçados onde conta com muitos sucessos.

Atrás de Rossi, com 12 pontos a menos, segue Daniel Pedrosa, que vai correr em casa. O piloto da Repsol Honda esteve no pódio em cinco das seis jornadas já disputadas em 2008 e adoraria recuperar a liderança do Campeonato perante milhares dos seus fãs. Pedrosa vai ainda decidir se corre com o motor de válvula pneumática na sua Honda RC212V, principalmente depois do bloco ter sido usado por Tadayuki Okada em corrida, em Mugello.

Também competindo em casa estará Jorge Lorenzo, companheiro de equipe de Rossi na Fiat Yamaha de fábrica. O estreante de MotoGP não terminou a prova na Itália depois de uma queda, a primeira vez que não terminou uma corrida da MotoGP.

Sempre muito determinado, Lorenzo pode não ser capaz de recuperar a liderança do Campeonato em Montmeló, mas tem todas as possibilidades de regressar à luta pelo título.

Um bom sinal para os pilotos da MotoGP que estão a tentando tirar a coroa de campeão de 2007, Casey Stoner, é que o australiano conta apenas com uma vitória no palco da corrida deste fim de semana. Infelizmente para eles, essa vitória solitária surgiu precisamente no ano passado com o australiano disparando para a vitória com a Ducati Desmosedici, batendo Rossi e Pedrosa. Depois do pódio em Mugello, Stoner voltou à boa forma e é quarto na classificação geral.

O veteranos Colin Edwards e Loris Capirossi estão provando que as corridas de 800cc não são um jogo apenas para os mais novos, já que estão em quinto e sexto da classificaçãol naquele que é o seu primeiro ano com a Tech3 Yamaha e a Rizla Suzuki, respectivamente.

A recordação mais duradoura que Capirossi deverá ter da Catalunha é a queda na primeira curva em 2006, que o deixou lesionado na clavícula e o deixou fora da corrida pelo título.

Andrea Dovizioso, do JiR Team Scot, é o segundo melhor classificado entre os estreantes, atrás de Lorenzo e à frente do também estreante da Tech3 Yamaha James Toseland, com um ponto a menos apenas. Nicky Hayden, da Repsol Honda, e Shinya Nakano, da San Carlo Honda Gresini, completam os dez primeiros.

Fonte:
Equipe MOTO.com.br

Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br