Ducati testa nova moto para 2009

Montadora Italiana diz que é vital fazer esses testes mais cedo para 2009.

Por Adilson

O chefe da Ducati, Filippo Preziosi disse que testar a nova GP9 tão cedo foi importante para ter certeza de que a equipe não ficará para trás em algumas áreas.

A nova máquina foi vista pelo público nos testes depois da corrida da Catalunha, nesta segunda-feira, quando Casey Stoner, assim como os pilotos de teste Vittoriano Guareschi e Niccolo Canepa, fizeram os primeiros testes na moto 2009.

A GP9 tem um chassis feito de fibra de carbono, o que representa uma evolução em relação aos chassis regulares usados pelas montadoras japonesas.

Preziosi, entretanto, subestimou o fato de ter usado a fibra de carbono para os chassis, reconhecendo que a parte mais importante é o formato e não o material.

O italiano também disse que, depois dessas mudanças, a GP9 será uma evolução das motos existentes.

“Nós tomamos a decisão de permitir que os pilotos testassem a GP9 porque tem sido mais difícil achar o melhor acerto num estágio mais avançado de desenvolvimento e eventualmente teremos que refazer algumas mudanças”, disse Preziosi.

“Tem algumas coisas que são possíveis de analisar com dados de computador, como o motor ou as partes ciclísticas da moto, mas em outras áreas é absolutamente essencial ter a avaliação dos pilotos”, comentou.

“É importante ter o conhecimento deles para entendermos se as escolhas que fizemos estão sendo corretas e para ouvir as suas sugestões”.

“O fato de termos usado a fibra de carbono na produção dos chassis não é o ponto mais relevante, e sim o formato, que é diferente do anterior. As primeiras impressões de Stoner foram bem positivas”, finalizou.

O companheiro de equipe de Stoner, Marco Melandri, irá testar a nova moto hoje.

Fonte:
Equipe MOTO.com.br

Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br