Ducati quer Vermeulen no Mundial de Superbike

Além do australiano, equipe elege Biaggi e Byrne como possíveis substitutos de Troy Bayliss.

Por Leandro Alvares

Chris Vermeulen, Max Biaggi e Shane Byrne são os principais candidatos à vaga de substituto de Troy Bayliss na temporada 2009 do Mundial de Superbike. Quem revelou a informação foi ninguém menos que o chefe da equipe Ducati, Davide Tardozzi.

Da trinca de postulantes, o australiano que compete pela Suzuki na MotoGP é o preferido da escuderia vermelha, embora já seja visto como uma carta de difícil conquista.

“Meu favorito é o Vermeulen, mas ele ainda tem contrato com a Suzuki, que parece disposta a mantê-lo no elenco depois dos pódios conquistados em Sachsenring e Laguna Seca. Nossas chances de contratá-lo, a meu ver, são pequenas”, afirmou Tardozzi.

Biaggi, atualmente na escuderia satélite da Ducati no WSBK, aparenta ser a segunda opção do time neste momento. “O Max é um cara que poderia substituir bem o Troy. Ele tem se mostrado muito forte neste ano, embora tenha tido alguns problemas. Com certeza ficaremos de olho nele”, destacou o dirigente.

Piloto do Campeonato Inglês de Superbike, Byrne também está na mira da equipe italiana. “O Shane é um rapaz experiente e está sim na briga pela vaga”, confirmou Tardozzi, um fã declarado do futuro aposentado Bayliss.

“Na verdade, ninguém será capaz de substituir o Troy por completo. Temos uma relação excelente com ele, os fãs o adoram, todos gostam dele. E ele é veloz. Por isso, necessitamos de um substituto à altura”, declarou.

A segunda vaga titular da Ducati também está sem dono para 2009. No entanto, tudo indica que a escuderia renovará com o atual ocupante do lugar, o italiano Michel Fabrizio. “Temos dois lugares vagos para o ano que vem, mas temos a opção de prosseguir com o Michel, o que possivelmente faremos em função do bom desempenho dele nesta temporada”, finalizou Tardozzi.


Fonte:
Equipe MOTO.com.br

Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br