Capirossi fecha com a Suzuki para 2008

Na equipe japonesa, italiano será companheiro do australiano Chris Vermeulen.

Por Leandro Alvares

Loris Capirossi confirmou nesta quinta-feira, em Brno, na República Tcheca, que assinou contrato com a Suzuki para a próxima temporada da MotoGP, com uma opção de estender o acordo para 2009.

“Fui muito feliz nos cinco anos vividos com a Ducati, porque disputamos ótimos campeonatos e vencemos algumas corridas. Mas cheguei a um momento na vida em que é preciso encarar mudanças e buscar novos desafios”, afirmou o italiano de 34 anos, que terá o australiano Chris Vermeulen como companheiro.

Em dez anos competindo na categoria máxima do motociclismo, Capirossi alcançou resultados que o fizeram ser considerado um bom piloto. Nenhum gênio das pistas, mas capaz de brigar pelas primeiras posições com freqüência.

No currículo, acumula oito vitórias, 13 pole-positions, dez voltas mais rápidas e 39 pódios. Seu melhor desempenho na classificação foi o terceiro lugar alcançado no ano passado, com a Ducati, e em 2001, quando defendia a Honda.

Apesar de não ter comentado, um dos motivos que fizeram o corredor deixar a tradicional escuderia vermelha foi a contratação de Marco Melandri para ser o novo companheiro de Casey Stoner. Para Loris, a Ducati prometeu estudar a possibilidade de correr com uma terceira moto; mas o piloto, nada satisfeito, resolveu partir para outra.

No certame atual, Capirossi ocupa o oitavo lugar da classificação com 77 pontos, enquanto seu companheiro de equipe, Stoner, lidera a tabela com 221 tentos.

Fonte:
Equipe MOTO.com.br

Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br