Bayliss faz dobradinha em Brno

Australiano vence as duas corridas na República Tcheca e dispara na classificação da Superbike.

Por Adilson

Troy Bayliss conquistou as duas baterias em Brno, na República Tcheca, pela nona etapa do Campeonato Mundial de Superbike, neste fim de semana.

Bayliss, que bateu o compatriota Troy Corser na primeira corrida por apenas um segundo e meio, venceu também a segunda prova, agora com menos de um segundo de vantagem para seu companheiro de Ducati, Michel Fabrizio.

O bicampeão do mundo colocou sua 1098 de fábrica na pole position, mas foi ultrapassado na segunda volta por Corser.

O piloto da Yamaha liderou o pelotão formado por cinco pilotos, com Max Biaggi, Fabrizio e Max Neukirchner, até perder a primeira posição de novo para Bayliss, na nona volta de um total de 20.

Bayliss não foi mais incomodado, somente uma pequena pressão de Corser há quatro voltas do fim, mas já com os pneus gastos não teve como brigar pela vitória.

O destaque mesmo ficou com Fabrizio, terceiro na primeira corrida, estava em sexto faltando seis voltas para a bandeirada, quando começou a acelerar, passando Neukirchner e Ryuichi Kiyonari na mesma volta e se aproximando rapidamente de Corser e Biaggi.

No começo da última volta o italiano ultrapassou Corser e depois Biaggi, recebendo a bandeirada quadriculada num impressionante segundo lugar.

Biaggi chegou em terceiro depois de ultrapassar Corser, mas o australiano, que possivelmente correrá pela estreante BMW em 2009, resistiu bastante ficando lado a lado com o italiano, que acabou levando a melhor e deixando Corser em quarto.

Noriyuki Haga foi o sétimo, seguido de Fonsi Nieto e Yukio Kagayama em oitavo e nono respectivamente e com Kenan Sofuoglu fechando os dez primeiros.

Confira o resultado das duas corridas em Brno:

Corrida 1
1) Troy Bayliss (AUS/Ducati 1098), 20 voltas
2) Troy Corser (AUS/Yamaha YZF-R1), a 1s468
3) Michel Fabrizio (ITA/Ducati 1098), a 3s272
4) Max Biaggi (ITA/Sterilgarda 1098), a 3s475
5) Ryuichi Kiyonari (JAP/Honda CBR 1000RR), a 3s791
6) Noriyuki Haga (JAP/Yamaha YZF-R1), a 9s120
7) Max Neukirchner (ALE/Suzuki GSX-R1000), a 9s358
8) Carlos Checa (ESP/Honda CBR 1000RR), a 11s787
9) Yukio Kagayama (JAP/Suzuki GSX-R1000), a 17s228
10) Kenan Sofuoglu (TUR/Honda CBR 1000RR), a 17s705

Corrida 2
1) Troy Bayliss (AUS/Ducati 1098), 20 voltas
2) Michel Fabrizio (ITA/Ducati 1098), a 0s928
3) Max Biaggi (ITA/Sterilgarda 1098), a 1s289
4) Troy Corser (AUS/Yamaha YZF-R1), a 1s785
5) Max Neukirchner (ALE/Suzuki GSX-R1000), a 3s942
6) Ryuichi Kiyonari (JAP/Honda CBR 1000RR), a 7s910
7) Noriyuki Haga (JAP/Yamaha YZF-R1), a 11s297
8) Fonsi Nieto (ESP/Suzuki GSX-R1000), a 11s375
9) Yukio Kagayama (JAP/Suzuki GSX-R1000), a 13s103
10) Kenan Sofuoglu (TUR/Honda CBR 1000RR), a 18s978

Classificação do Mundial de Superbike depois de nove etapas:
1) Troy Bayliss, 309 pontos
2) Max Neukirchner, 230
3) Troy Corser, 218
4) Carlos Checa, 215
5) Noriyuki Haga, 210
6) Fonsi Nieto, 161
7) Ruben Xaus, 148
8) Michel Fabrizio, 147
9) Max Biaggi, 146
10) Ryuichi Kiyonari, 115
11) Yukio Kagayama, 96
12) Lorenzo Lanzi, 83
13) Gregorio Lavilla, 78
14) Jakub Smrz, 77
15) Karl Muggeridge, 64
16) Kenan Sofuoglu, 44
17) Makoto Tamada, 41
18) Regis Laconi, 36
19) Shinichi Nakatomi, 29
20) Roberto Rolfo, 24
21) Ayrton Badovini, 14
22) Russell Holland, 14
23) David Checa, 7
24) Ebastien Gimbert, 7
25) Shuhei Aoyama, 3
26) Iccolo Canepa, 3
27) Michael Beck, 1


Fonte:
Equipe MOTO.com.br

Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br