BARROS LARGA NA PRIMEIRA FILA

Brasileiro é superado por Corser e Bayliss apenas no final da classificação em Monza.

Por Leandro Alvares

A pole position do campeão Troy Corser não foi o feito mais marcante deste sábado em Monza, o local da quarta etapa do Mundial de Superbike. O nome de destaque no dia foi o de Alexandre Barros, terceiro colocado no grid de largada para a corrida que promete ser a mais acirrada do ano.

O brasileiro da Klaffi Honda liderou quase toda a parte final da sessão classificatória no veloz traçado da Itália, sendo superado apenas nos instantes finais do treino. À frente do ex-piloto da MotoGP, posicionaram-se os favoritos xarás e australianos, Corser e Bayliss.

A perda daquela que poderia ser sua primeira pole na categoria, contudo, não tirou o otimismo de Barros em lutar por mais um pódio, ou até mesmo pela sonhada vitória no WSBK. “Consegui um lugar na primeira fila do grid e fiquei muito feliz com o resultado. Como havia previsto, essa pista se adequou bem ao estilo da nossa moto, o que me deixou bastante confiante para o domingo”, disse o piloto.

“Utilizamos dois novos tipos de suspensão e ambos tiveram resultados satisfatórios. Nosso único erro foi no acerto da relação de marchas, que ficou muito longa da quarta em diante. Vamos reutilizar o set-up da sexta-feira, deixando talvez somente a sexta marcha do jeito que está”, explicou Barros.

Na última etapa do certame, em Valência,  o representante do Brasil teve problemas na largada de ambas as baterias, o que culminou no seu mau desempenho no circuito espanhol. Para Monza, no entanto, Alex se preveniu para não repetir o episódio. “Ensaiei largadas em todos os inícios de treino, fazendo pelo menos duas simulações. Em todas, saí-me muito bem; nenhum problema de marcha!”, destacou.

“Meu único temor neste GP está na chicane logo após a reta principal, pois chegaremos lá em alta velocidade e muito próximos. Todo cuidado será necessário”, completou o veterano, quinto colocado na classificação do mundial, com 62 pontos.

Confira o grid de largada:

1) Troy Corser (AUS/Suzuki Corona Extra), 1min46s058
2) Troy Bayliss (AUS/Ducati Xerox), 1min46s360
3) Alexandre Barros (BRA/Klaffi Honda), 1min46s511
4) Regis Laconi (FRA/PSG-1 Kawasaki), 1min46s597
5) Chris Walker (ING/PSG-1 Kawasaki), 1min46s978
6) Andrew Pitt (AUS/Yamaha Motor Italia), 1min47s015
7) Karl Muggeridge (AUS/Ten Kate Honda), 1min47s082
8) James Toseland (ING/Ten Kate Honda), 1min47s133
9) Yukio Kagayama (JAP/Suzuki Corona Extra), 1min47s156
10) Noriyuki Haga (JAP/Yamaha Motor Italia), 1min47s627
11) Ruben Xaus (ESP/Berik Ducati), 1min47s852
12) Roberto Rolfo (ITA/Team Ducati), 1min47s975
13) Fabien Foret (FRA/Suzuki Corona Extra), 1min48s009
14) Marco Borciani (ITA/Berik Ducati), 1min48s122
15) Lorenzo Lanzi (ITA/Ducati Xerox), 1min48s170
16) Sebastien Gimbert (FRA/Yamaha Motor France), 1min48s208
17) Fonsi Nieto (ESP/PSG-1 Kawasaki), 1min48s240
18) Max Neukirchner (ALE/Team Pedercini Ducati), 1min48s310
19) Shinichi Nakatomi (JAP/Yamaha Motor France), 1min48s414
20) Ivan Clementi (ITA/Team Pedercini Ducati ), 1min48s526
21) Gianluca Nannelli (ITA/Treme Honda), 1min48s913
22) Steve Martin (AUS/Foggy Petronas), 1min48s939
23) Michel Fabrizio (ITA/Treme Honda), 1min48s969
24) Vittorio Iannuzzo (ITA/Celani Team), 1min49s152
25) Lorenzo Alfonsi (ITA/Yamaha Motor France), 1min49s207
26) Norino Brignola (ITA/Team Guandalini), 1min49s475
27) Norick Abe (JAP/Yamaha Motor France), 1min49s497
28) Mauri Lorenzo (ITA/Spring Ducati), 1min50s383
29) Franco Battaini (ITA/Team Bertocchi Kawasaki), 1min50s983
30) Craig Jones (ING/Foggy Petronas), 1min51s275

Fonte:
Equipe MOTO.com.br

Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br