Alex Barros Racing define pilotos para disputa do SuperBike 2018


No próximo fim de semana, nos dias 28 e 29 de abril, começa a temporada 2018 do SuperBike Brasil no Autódromo de Interlagos, em São Paulo. Para tentar o título inédito no campeonato, a equipe Alex Barros Raciing será representada por Alexandre Barros, atual vice-campeão da competição e ex-piloto da MotoGP, com 276 largadas em mundiais e o argentino Diego Pierluigi, piloto também bastante experiente, e que já vem defendendo as cores da equipe desde 2016, sempre com bons resultados.

Aos 47 anos, Alexandre Barros vai novamente fazer uma temporada regular. Em 2017, o piloto e chefe do time que leva seu nome, voltou a competir, depois de dez anos de ‘aposentadoria’. E conquistou o vice-campeonato da categoria SBK Pro. Agora, ele vem com ainda mais vontade e ritmo para tentar o título.

Quer vender sua moto? Anuncie no MOTO.com.br! 

“Estamos muito animados e ansiosos para mais uma temporada. Pensamos bastante, e decidimos que vou correr novamente. Acredito que será bom para mim e para a equipe. Sinto-me muito bem e queremos estar bastante competitivos, desde a primeira etapa. Estamos trabalhando muito para que tudo fique pronto. Vamos competir a bordo das máquinas BMW S 1000 RR, e apesar de já termos atuado com elas, estaremos com os modelos 2018, e sempre tem os ajustes a serem feitos. Mas, a nossa motivação é grande”, diz o Vovô Barros.

Diego Pierluigi será o outro representante da equipe Alex Barros Racing. O argentino tem se mostrado bastante competitivo e na última temporada ficou em quinto lugar na tabela de classificação. Pierluigi é um piloto bastante consciente, experiente e equilibra bem técnica e ousadia. Além disso, ele já competiu com a moto BMW S 1000RR (em 2016, quando participou de seis provas e venceu três), demonstrando rápida adaptação ao equipamento. O piloto natural de Bueno Aires também está animado.

Confira os equipamentos disponíveis no Shopping.MOTO.com.br!

“Tenho boas expectativas para mais um ano de disputas no SuperBike Brasil. Fiz uma pré-temporada muito boa. Tenho treinado bastante, e acredito que estou em minha melhor forma física. Fico feliz de voltar a correr com a BMW. É uma moto que se adapta melhor à minha pilotagem. E a equipe também já tem bastante experiência com o equipamento. Isso nos dá mais tranquilidade para trabalhar. Acredito que temos boas chances de sermos competitivos. Estou muito ansioso para voltar ao Brasil e acelerar novamente”, comenta Pierluigi.

Fotos: Divulgação/SampaFotos



Fonte:
Equipe MOTO.com.br




Compartilhe essa notícia

Receba notícias de moto.com.br