A caminho da centésima vitória

Valentino Rossi tentará se tornar o secundo piloto na história do motociclismo a conseguir 100 vitórias na classe máxima da motovelocidade, neste fim de semana em Assen, na Holanda.

O hexacampeão da MotoGP está muito próximo de se juntar a Giacomo Agostini como uma das figuras mais importantes do motociclismo, após uma bela vitória em cima de seu companheiro de equipe, Jorge Lorenzo, na última etapa, na Catalunha.

Essa foi a segunda vitória de Rossi nessa temporada, o que o deixou empatado na liderança com os também vencedores de duas etapas, Lorenzo e Casey Stoner.
 
O italiano já venceu seis vezes na Holanda, quatro pela MotoGP, mas nos últimos anos não tem se dado muito bem. 

Em 2006, o número 46 se machucou durante o treino, mas mesmo assim correu e terminou em oitavo. No ano passado, cometeu um erro na primeira volta e caiu, mas mesmo com a moto danificada, conseguiu ainda ficar com a décima primeira colocação.

Em ótima forma, Rossi quer sair de uma vitória e partir para outra em um de seus circuitos favoritos. “O circuito de Assen é muito especial para os pilotos e é um ótimo lugar para se pilotar uma moto. No ano passado, foi lá que eu fiz minha pior apresentação da temporada, por isso, esse ano, quero mostrar uma boa pilotagem a meus fãs, que merecem”, disse o “Doutor”. 

Com quatro corridas nos próximos cinco finais de semana, o chefe de equipe de Rossi, Davide Brivio, está ciente que o campeonato atingiu um dos momentos mais importantes. “Após uma ótima corrida em Barcelona, nós estamos ansiosos para voltar às pistas e ver o que acontece. Nós fizemos um bom teste após a corrida, na segunda-feira, e coletamos informações muito importantes, que esperamos serem úteis para as próximas corridas, já que teremos pouco tempo para acertos, com quatro corridas, em cinco fins de semana” disse Brivio.

Assen é o único circuito que permanece desde a formação original do calendário do campeonato mundial das 500cc, em 1949. Os outros circuitos que faziam parte junto com ele eram: Ilha de Man (Inglaterra), Berne (Suíça), Spa-Francorchamps (Bélgica), Belfast (Irlanda do Norte) e Monza (Itália).

Em 1949 o circuito de Assen tinha 16km535 de percurso. Após uma recente reforma, a pista agora tem menos da metade, 4km555.

Agostini se consagrou vencedor 122 vezes em sua carreira, mas Rossi já tem mais vitórias na classe máxima da motovelocidade, com 73 vitórias na MotoGP 500cc comparadas com as 68 de Agostini. 

Agostini é o único piloto que tem mais títulos na MotoGP que Rossi, sendo coroado campeão nas 500c por oito vezes, de 1960 à 1970.



Fonte:
Equipe MOTO.com.br




Compartilhe essa notícia

Receba notícias de moto.com.br