TRIUMPH SPRINT ST ENTRA EM CENA

Modelo sport-touring está sendo vendido a partir de R$ 49.900,00.

Por Thiago Fuganti

Conforto, segurança e velocidade foram os adjetivos usados pelo Grupo Izzo para apresentar ao consumidor brasileiro a Triumph Sprint ST. Considerada por especialistas como um dos melhores modelos no segmento sport-touring do mercado mundial, a moto impressiona pelo visual de robustez e pela alta tecnologia empregada em cada centímetro de seu “corpo”.

O painel de instrumentos, por exemplo, inclui um computador de bordo com hodômetro total e dois hodômetros parciais, cálculo de autonomia de combustível em Km, média de consumo de um trecho e consumo instantâneo, cálculo de velocidade média, registro de velocidade máxima atingida. A máquina incorpora sistema de freios ABS como item de série e o sistema GPS como opcional, que a tornou uma das melhores opções de custo-benefício do cenário nacional.

A Sprint é equipada com motor de 3 cilindros em linha, que resultam em maior equilíbrio e elasticidade entre médias e altas rotações, com refrigeração líquida. Os sistemas de ignição digital indutiva e injeção eletrônica multiponto seqüencial também fazem parte dos itens da motocicleta.

O propulsor de 1050cc gera 125cv de potência a 9100rpm e torque de 105Nm a 7500rpm, possui câmbio de seis velocidades e transmissão secundaria por corrente. A suspensão dianteira é composta por garfos telescópicos de 43mm de diâmetro com ajuste de pré-carga das molas. A traseira é monoamortecida, monobraço, com ajustes de pré-carga e retorno.

O estilo futurista do equipamento transmite uma sensação de força e velocidade. As barras de enchimento cromadas e as setas dianteiras montadas nos espelhos conferem um toque sofisticado ao modelo. Detalhes de seu visual são representados em itens triplos, reforçando a idéia do motor tricilíndrico, caso do farol dianteiro e do escapamento.

A Triumph Sprint ST pode ser encontrada nas opções Aluminium Silver, Caspian Blue, Sunset Red, a partir de R$ 49.900,00 — mais o valor do frete (R$ 2.320,00).
 
FICHA TÉCNICA


Motor: 4 tempos, DOHC, 3 cilindros em linha, refrigerado a água  
Cilindrada:  1050cc  
Diâmetro x Curso: 79 x 65 mm  
Taxa de compressão: 12,0:1  
Potência: 125 cv (a 9.100 rpm)  
Torque: 105 Nm (a 7.500 rpm)  
Injeção: Eletrônica multiponto seqüencial
Ignição: Digital – Indutiva – Via Sistema Eletrônico de Gerenciamento de Motor  
Transmissão: 6 marchas  
Transmissão primária: Engrenagens  
Transmissão secundária: Corrente  
Embreagem: Multidisco banhado a óleo  
Chassi: Perimetral de alumínio  
Balança: Monobraço de liga de alumínio com ajuste de corrente excêntrico  
Suspensão dianteira: Garfo telescópico de 43 mm com ajuste de pré-carga  
Suspensão traseira: Monoamortecida com ajuste de pré-carga e retorno  
Freio dianteiro: Disco duplo flutuante de 320 mm, pinças de 4 pistões  
Freio traseiro: Disco simples de 255 mm, pinças de 2 pistões
Roda dianteira: Liga leve, aro 17 x 3.5 polegadas  
Pneu dianteiro: 120/70 ZR 17  
Roda traseira: Liga leve, aro 17 x 6 polegadas  
Pneu traseiro: 180/55 ZR 17  
Comprimento: 2.160 mm  
Distância entre eixos: 1.220 mm  
Altura do assento: 735 mm  
Tanque de combustível: 19,5 litros  
Peso: 207 kg

Fonte:
Equipe MOTO.com.br

Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br