Preços das motos no Brasil caem pelo terceiro ano seguido

De acordo com levantamento da AutoInforme/Molicar sobre os preços das motos comercializadas no mercado brasileiro, a moto zero quilômetro ficou mais barata no país pelo terceiro ano consecutivo. Em 2011 o Preço de Verdade das motos (o preço realmente praticado no mercado), apresentou uma queda de 2,08%.

De acordo com a pesquisa, essa foi a menor queda dos últimos anos, em 2010 o índice foi de -5,42%, em 2009 foi de – 2,83%, mas, ainda assim, os preços estão longe de iniciar uma recuperação após a decadência iniciada com a crise econômica, no último trimestre de 2008.

Em 2008, os preços tiveram uma pequena alta. Depois disso, com o início das restrições ao crédito, veio uma sucessão de quedas, atingindo o acumulado de 10% de janeiro de 2009 a dezembro de 2011. A conclusão do levantamento indica que as motocicletas vendidas no Brasil ficaram, em média, 10% mais baratas nos últimos três anos.

Honda mantém preço
Dona de 80% do mercado, a Honda foi a única marca que conseguiu manter o preço das suas motos em 2011. Na média, houve até um pequeno aumento, de 0,3%. Todas as demais marcas apresentaram queda de preço no ano passado. As que mais caíram foram a Yamaha e a Dafra, ambas com 3,6%. As motos da Kazinski ficaram 3,2% mais baratas e as da Suzuki 1,9%. O segmento das importadas (todas as marcas), teve uma queda ainda maior: - 4,0%.

Três anos em queda
Ano Evolução do preço
2011 -2,08%
2010 -5,42%
2009 -2.83%
2008 0,07%
Fonte: AutoInforme/Molicar

Preço de Verdade de motos (Jan-dez/2011)
Marca  (%)
Importadas -4,00%
Yamaha  -3,60%
Dafra  -3,60%
Kasinski -3,20%
Média   -2,10%
Suzuki  -1,90%
Honda  0,30%
Fonte: AutoInforme/Molicar



Fonte:
Equipe MOTO.com.br




Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br