Moto flex é apresentada em feira de SP

Delphi busca, agora, vender a tecnologia para alguma fabricante do setor de duas rodas.

Por Leandro Alvares

A Delphi, conhecida pelo desenvolvimento de aplicações multicombustível para veículos de passeio e comerciais, levou o conceito de seu trabalho para o mercado de duas rodas.

O sistema batizado de “Multifuel” para motos foi apresentado nesta semana na 8ª Automec (Feira Internacional de Autopeças, Equipamentos e Serviços), que vai até sábado, no Pavilhão de Exposições do Anhembi, na cidade de São Paulo.

“O mundo pede por combustíveis renováveis, por soluções que não afetem o clima. E o setor de motocicletas faz parte deste cenário”, afirma Gábor Deák, presidente da Delphi na América do Sul.
 
Para fazer a moto funcionar com álcool e gasolina, foram necessárias algumas alterações no equipamento, como a adequação da taxa de compressão, uma nova bomba de combustível desenvolvida especialmente para trabalhar com álcool, novos controles de ar e combustível inteligentes, que utilizam sensor de oxigênio para identificar a mistura, ECM (módulo eletrônico de controle da injeção) e bicos injetores com maior vazão.

O “Multifuel” foi inteiramente desenvolvido pela Delphi em seu Centro de Tecnologia, localizado na cidade paulista de Piracicaba. Os testes foram feitos em protótipos das marcas Yamaha, Honda e Sundown.

A novidade, segundo a empresa, promete economia de até 30% por quilômetro rodado. Já a disponibilidade deste motor ao mercado dependerá do interesse das fabricantes de motocicletas. O preço final ainda não foi definido, mas de acordo com a Delphi, tende a ser superior ao das motos com propulsor convencional.

Fonte:
Equipe MOTO.com.br

Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br