moto.com.br
Publicidade:

Acontece

Monster 797: uma naked "básica" da Ducati

Equipada com motor de 73 cv arrefecido a ar e somente freios ABS como auxílio eletrônico, novo modelo vai custar R$ 39.900

11 de January de 2018
Compartilhe este conteúdo:

Para criar a nova Monster 797 a Ducati apostou na simplicidade mecânica do antigo motor Desmodue, de dois cilindros em “L” e refrigeração ar, e economizou nos controles eletrônicos, pois só há freios ABS de série. Tudo para que a nova naked de entrada da marca italiana pudesse ter um preço competitivo - R$ 39.900 – sem perder o inconfundível design da linha Monster.

Com linhas minimalistas, a Monster 797 tem farol arredondado de LED, um novo tanque de 16,5 litros de capacidade, e deixa o antigo motor de 803 cm³ fixado ao quadro tubular de aço em treliça à mostra. A modernidade aparece no novo painel digital e na tomada USB sob o assento. 

Alma de Scrambler
O motor é o velho conhecido Desmodue, o mesmo que equipa a linha Scrambler. O bicilíndrico em “L” de 803 cm³ de capacidade com duas válvulas cilindro e refrigeração a ar produz modestos 73 cv de potência a 8.250 rpm e 6,8 kgf.m de torque a 5.750 giros. Retrabalhado para oferecer mais torque em baixos e médios giros, o motor da 797 também ganhou um novo câmbio de seis velocidades. 

O quadro em treliça tem o motor fazendo parte da estrutura e resulta em baixo peso: 175 kg a seco. As suspensões usam garfo invertido KYB, sem regulagem, com tubos de 43 mm de diâmetro e 125 mm de curso no trem dianteiro. Na traseira, a balança em alumínio conta com monoamortecedor Sachs com regulagem na pré carga da mola. 

Em resumo, a nova Monster 797 tem a alma da linha retrô Scrambler, mas com o visual de naked esportiva. Afinal, utiliza o mesmo motor, além de quadro, balança e suspensões bastante semelhantes. 

Já o sistema de freios antitravamento fabricado pela Bosch, o popular ABS, está presente em ambas as rodas. Na dianteira atua de maneira mais vigorosa em parceria com os dois grandes discos de 320 mm e pinças de fixação radial. Já a roda traseira conta com disco simples de 245 mm. Ambos da marca Brembo. Completam a parte ciclística rodas de liga leve de 10 raios, calçadas com pneus Pirelli Diablo Rosso II, nas medidas 120 / 70-17 (D) e 180 / 55-17 (T). 

Quer vender sua moto? Anuncie no MOTO.com.br!

Concorrência
No Brasil, a nova Ducati Monster 797 está disponível em duas opções de cores: vermelho e banco, ambas com quadro pintado de vermelho. O modelo de entrada da linha Monster oferece intervalos de manutenção de 12.000 km e o preço sugerido é de R$ 39.900. Suas principais concorrentes são a Triumph Street Triple S (R$ 38.990), Yamaha MT-09 (R$ 39.770) e a Kawasaki Z900 (R$ 41.990).

Fotos: Divulgação



Fonte:
Agência Infomoto
Compartilhe este conteúdo:

Venda de motocicletas BMW cresce 13,2% no mundo

Honda faz mais um recall do airbag da Gold Wing

Mercado: Produção de motos fecha ano de 2017 com ligeira queda

Ducati anuncia ano de 2017 positivo com crescimento nas vendas

Harley-Davidson solicita duas novas marcas registradas

Boletim MOTO.com.br - Notícias de motos em 1 minuto (14/01/18)

Mercado: venda de modelos usados está em crescimento

Kawasaki lança Versys-X 300 no Brasil em três versões

Triumph lança nova naked Street Triple RS e S no Brasil

Kawasaki lança nova Z900 no Brasil em versão única com ABS

Kawasaki Versys-X 300 é atração no Megacycle Paraty (RJ)

MOTO.com.br divulga ranking de motos mais anunciadas em agosto

MotoTest: 4ª edição acontece com foco em nakeds e big trails

Ducati XDiavel S surpreende com a nova cor Iceberg White


Comente

Para comentar é necessário autenticar, clique aqui!


Busca Rápida

Busca avançada

Comprar ou vender

Cadastre-se | Anuncie agora!

Anúncios em Super Destaque

Montadoras