Linha Sportster da Harley-Davidson completa 60 anos

A centenária fabricante americana Harley-Davidson anuncia, em meados de 1957, em Milwaukee, a produção da moto que se tornaria uma das mais populares da história da marca: o modelo Sportster. Porta de entrada ao mundo da Harley, a motocicleta é uma das mais vendidas em todo o planeta. 

Considerada urbana, por conta da sua baixa autonomia e menor potência, a linha Sportster tem uma legião de fãs, inclusive no Brasil. Para muitos motociclistas o que desperta o interesse neste modelo é sua capacidade de ser customizada

Atualmente a Harley-Davidson monta e vende no Brasil quatro modelos da família: Iron 883, 1200 Custom CB, Forty-Eight e Roadster 1200. Os preços variam entre R$ 40.500 e R$ 48.600. Confira a evolução da linha Sportster em seis décadas de produção ininterrupta. 

1957 – Nasce a linha Sportster com motor de dois cilindros em “V” de 55 centímetros cúbicos (ou 883cc, daí a origem do nome), comando simples no cabeçote e refrigeração a ar. Foi considerada a primeira "superbike" da HD. 

1970 – Derivadas das pistas de dirt-track (corridas em pista de terra), a Harley apresenta a Sportster XR750 com motor mais apimentado. O modelo colecionou vitórias nos circuitos ovais no início da década de 1970. 

1972 – A XL estava equipada com uma versão de 1000cc do lendário motor Iron Head com 997cc

1977 – O ano marca o surgimento da XLCR (Cafe Racer), que trazia uma estética impactante, suspensão traseira inspirada na da XR750 e freios a disco em ambas as rodas. A carenagem também é destaque do modelo. 

1986 – A linha recebe o motor Evolution, que veio substituir o velho Iron Head. Havia duas versões, a de 883cc e a de 1.100cc. 

1988 – Chega ao mercado norte-americano a Sportster 1200, com motor mais torcudo. 

2001 – A XL883R ganha no escape 2 em 1, que é usado até hoje na linha de entrada da HD.

2005 – A Sportster 883 Low traz uma posição mais baixa de pilotagem. 

2007 – A Sportster recebeu injeção eletrônica de combustível, que aposentou definitivamente os antigos carburadores. 

2008 – A Harley-Davidson lança a XR1200, uma Sportster com motor de cerca de 90 cavalos de potência máxima, suspensão dianteira invertida (upside-down) e disco duplo na dianteira. 

2010 – A XL Sportster Forty-Eight e a Iron 883 são lançadas na Terra do Tio Sam. 

2012 – Chega ao Brasil a XL 1200 Custom, com motor 1200cc, pneus mais largas e tanque de combustível para 17 litros. No ano seguinte foram comercializadas duas versões limitadas: a CA, mais urbana e ágil, e a CB Custom, voltada para o mototurismo. 

2014 – A XL883N Iron ganhou freios ABS e o H-D Smart Security System. Um sistema de segurança que apresenta bloqueio automático hands-free. Ou seja, não é preciso colocar a chave no contato para acionar a moto. 

2015 – Um dos modelos mais cheios de estilo da linha Harley-Davidson, a Forty-Eight passou por uma completa reformulação para a versão 2016. O modelo ganhou novas rodas, tubos mais grossos no garfo dianteiro e freios ABS. O quadro mais moderno se uniu a nova ciclística e ao estilo old-school. 

2017 – Inspirada nas motos de corrida de rua das décadas de 1950 e 60, a nova Roadster 1200 chegou ao Brasil movida pelo trintão motor Evolution de 1200cc. A ciclística é mais agressiva e ainda há na dianteira suspensão invertida com tubos de 43 mm e o freio ganhou discos duplos e ABS. 

Fotos: Harley-Davidson/Divulgação



Fonte:
Agência Infomoto




Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br