Festival Brasileiro de Arrancada teve sete recordes

O 18º Festival Brasileiro de Arrancada, que aconteceu nesse fim de semana, 10 e 11 de dezembro, no Autódromo Internacional de Curitiba, em Pinhais, foi marcado pela quebra de recordes em sete categorias.
Os pegas na reta de 402 metros reuniram 360 carros preparados em 20 categorias vindos de todas as regiões do Brasil e até do Paraguai.

Os recordes foram nas categorias Pro Mod, com Roderjan Busato fazendo os 402 metros em 7s421; na Traseira Super, Gustavo Castagnon (9s002); na Turbo Traseira, Jorge Pacheco (9s327); na Dianteira Turbo A, Fábio Costa (9s536); na Traseira Original, Celso Camargo (10s547); na Turbo B, Roni Mendonça (10s987); e na Turbo C, Carlos Bento (11s478).

O piloto mais rápido da competição foi Alejandro Sanchez, da Drag Top Álcool. Ele andou os 402 metros em 6s348 com velocidade final de 366 Km/h.

Um público de cerca de 40 mil pessoas acompanhou, além das provas de arrancada, atrações como a exposição de hot rods e miniaturas, a presença de 18 lojas do segmento, um parque infantil e ainda o Autorama Drag Race, uma pista de 11 metros de comprimento que reproduz com perfeição uma pista do esporte.

Nos próximos dias a Força Livre Motorsport irá divulgar o calendário 2012 do Campeonato Paranaense de Arrancada e do 19º Festival.

18º Festival Brasileiro de Arrancada teve patrocínio da Jamef Encomendas Urgentes e da Master Power Turbo, além do apoio da AutoMotivo Motorstore, Fueltech, Trixx Perfomance, Ceramic Power, Regis Racing, Halltech Racing Parts, Nytron, ODG Instruments, Magma Pro, Pro Race Originals, Displatec, Injepro e do Amazonas Dragway.

O evento também conta com o apoio da Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA), da Federação Paranaense de Automobilismo (FPRA) e com colaboração da Prefeitura de Pinhais e da Secretaria de Turismo de Pinhais.

Foto: Fernando Almeida/Divulgação



Fonte:
Equipe MOTO.com.br




Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br