FABRICANTE REAJUSTA PREÇOS

Modelo Trial da GAS GAS foi o único que manteve a cotação de 2005.

Por Thiago Fuganti


Por conta da valorização do euro em relação ao dólar, a
GAS GAS do Brasil,
única marca de trial do mercado nacional, teve de reajustar os preços de suas motos. As máquinas tiveram aumento médio de 3% em seus valores, que entraram em vigor no último fim de semana.

Anualmente a fábrica espanhola aumenta suas cotações de 1% a 2% e tinha como intenção continuar com a mesma tabela de 2005 até junho deste ano. Mas apesar do reajuste, os preços continuaram competitivos e abaixo dos principais concorrentes do segmento.

Quem escapou do aumento, contudo, foi o modelo trial TXT 280 PRO (US$ 8.900). “A decisão de manter os mesmos preços para os motos de trial, durante este ano, tem uma razão específica: a intenção de continuar incentivando a prática da modalidade no Brasil”, explica o diretor Fredy Tejada.

No mercado brasileiro o modelo mais procurado é o EC 250 2T, que de US$ 10.700 foi para US$ 11.240. “O valor compensa o investimento porque no Brasil é indiscutivelmente a melhor opção para enduro”, destaca Tejada.

Conhecida pelo seu potencial e menor custo de manutenção, conforme intitula a montadora, a EC 250 2T tem um dos maiores tanques da categoria (9,5L) e caixa de velocidade com seis marchas (a maioria tem cinco). No comparativo internacional (Master Enduro) deste ano, realizado para motos de competição, foi considerada uma das melhores opções para categoria E2-2T.

No Brasil, a GAS GAS mantém uma filial em Belo Horizonte (MG) e parceria com 25 revendedoras espalhadas pelo país, além de oficinas autorizadas nas regiões Sudeste, Sul e Centro-Oeste. Em agosto de 2005, a sede foi transferida para Mogi-Guaçu, interior de São Paulo.

Entre seus destaques, a empresa traz para o consumidor uma moto preparada para competição. Qualquer um pode comprar uma motoca idêntica à utilizada, por exemplo, pelo campeão mundial de trial 2005, o espanhol Adam Raga, ou pelo campeão mundial de enduro junior, Cristobal Guerrero.


Fonte:
Equipe MOTO.com.br

Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br